BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito - PSB não é mais a “noiva” da eleição e anuncia apoio a Nicolau


O PSB vinha sendo cortejado por diversos partidos para uma possível coligação, cm direito à indicação do candidato a vice, nas eleições de novembro para a Prefeitura de Manaus.

Esta semana, o presidente de honra serafim Corrêa anunciou que seu partido se recusa a ser a “noiva” da eleição e anunciou apoio à candidatura do deputado Ricardo Nicolau (PSD) colocando fim ao assédio.

— O PSB já definiu apoio à candidatura de Ricardo Nicolau, PSD, sem reivindicar a posição de vice. Vamos contribuir diretamente na campanha com militância e propostas -, disse Serafim à coluna D&F.

Da esquerda ao Centro

Considerado um partido mais à esquerda, o PSB se alinha, assim, a nomes de políticos de Centro, como Gilberto Kassabi e Omar Aziz, caciques do PSD,  além de Bosco Saraiva (Solidariedade) , ex-vice governador de Amazonino Mendes (Podemos) que também está no boca de Nicolau.

— Até concordo, mas é complicado administrar questões nacionais misturadas com as locais – respondeu Sarafa.

Magoou

Sobre marchar lado a lado de Bosco Saraiva, até dias desses fiel escudeiro de Mazoca, Serafim também tem resposta.

— Não creio que ainda exista essa fidelidade toda. Ele (Bosco) saiu muito machucado pela postura do Negão em relação à ele.

Mário Almeida partiu

Morreu na quinta-feira,6, depois de travar uma longa batalha contra a Covid-19 em um dos leitos do hospital da Unimed, onde estava internado desde julho, o empresário Mário Almeida. Nos anos 1970-1980, no auge do comércio da Zona Franca de Manaus, Mário colocou seu escritório de Despacho Aduaneiros, no patamar dos  mais bem sucedidos do Amazonas.

Imprensa Oficial

Com fortes ligações com o ex-cacique do PDS, Mário Haddad – ex-deputado federal que chegou a disputar o governo como candidato a vice-governador, Mário Almeida foi diretor da Imprensa Oficial. Era um homem inteligente e com uma visão privilegiada para empreender.

Guedes solta os cachorros

Durante o Aspen Security Forum, conferência anual que trata dos desafios da política externa dos EUA, o ministro da Economia, Paulo Guedes, subiu o tom ao rebater as  críticas de investidores estrangeiros sobre a política de preservação ambiental brasileira.

— Entendemos a preocupação de vocês (norte-americanos), porque vocês desmataram suas florestas. Vocês querem nos poupar de desmatar a floresta, como vocês desmataram as suas –, afirmou o ministro.

General Custer

No encontro virtual, Guedes bateu pesado, acusando os gringos de promoverem as guerras civis e de praticarem escravidão.

—Vocês mataram seus índios, não miscigenaram.  Os militares brasileiros não são como o general o que é é nosso, não é , que matou os índios! –, acusou.

Isso aqui é nosso

Para o ministro, a Amazônia é um “assunto nacional”.

— Não misturem o que os militares falam sobre soberania. Eles estão dizendo: agradecemos a preocupação, mas essa é nossa terra. Seguimos o Acordo de Paris e não precisamos desmatar a Amazônia para expandir nosso agronegócio –, observou.

Perguntar não ofende 2

Se a Amazônia é nossa, mais um motivo pra gente cuidar melhor do que é nosso, não é ministro?

Perguntar não ofende

Quer dizer, então, porque os norte-americanos americanos destruíram suas florestas e dizimaram seus índios nós vamos fazer o mesmo?

Juíza apoia reabertura

O Estado do Amazonas apresenta condições e deve preparar-se para reabrir as escolas públicas, com sucesso, colocando em prática as medidas de segurança necessárias. Esta foi a decisão  da juíza da 3ª Vara da Fazenda Pública do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJAM), Etelvina Lobo Braga.

Negou pedido

Assim, a magistrada  nega pedido de liminar do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado do Amazonas (Sinteam) para suspender o retorno das aulas presenciais na rede estadual, que está marcado para o dia 10 de agosto.

Então, tá!

Para embasar a decisão, Etelvina Braga reforça que, segundo a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), a situação de Manaus encontra-se bem controlada em relação à pandemia, com redução nas internações e nos óbitos pela Covid-19 mostrando, assim, que não existem evidências suficientes sobre os riscos do retorno às aulas presenciais.

"Save Our Future

No documento, a juíza também cita que a Organização das Nações Unidas (ONU) lançou a campanha "Save Our Future" (Salve o nosso futuro), em que pede pela reabertura das escolas, desde que seja priorizado nas decisões econômicas dos países.

Santo remédio

Itajaí deve começar o tratamento com aplicação de ozônio via retal para pacientes diagnosticados com o novo coronavírus ainda neste mês. O investimento estimado é de R$ 50 mil. É isso que disse o prefeito Volnei Morastoni (MDB) em entrevista à NSC TV nesta sexta-feira (7).

Santo remédio 2

O chefe do Executivo itajaiense destacou que o município aguarda o aval do Conselho Nacional de Ética em Pesquisa (Conep).

— O  que deve ocorrer até segunda ou terça-feira da próxima semana, para iniciar a montagem da estrutura para o trabalho.

Santo remédio 3

Volnei Morastoni voltou a defender a ozonioterapia, a chamou de “santo remédio”, e argumentou que o tratamento que será feito em Itajaí é experimental, em caráter de pesquisa. O prefeito disse que um número limitado de pacientes — 146 ao total — será selecionado para participar do projeto.

— Eles serão incluídos dentro de um critério muito rigoroso, na pesquisa” e “não é qualquer um que vai poder receber a aplicação”.

Há controvérsias

Sobre esse tratamento que vem levantando a maior polêmica no País, o deputado Ricardo Nicolau (PSD), que  coordenador do Hospital de Campanha Municipal de Manaus na luta contra o coronavírus, disse que não tem nada comprovado cientificamente.

— Há muita controvérsia sobre o tratamento com ozônio. Tem alguns estudos mas não tem nada comprovado, está sendo levado na base da galhofa! – disse o parlamentar.

ÚLTIMA HORA

O policial militar reformado Fabrício Queiroz repassou R$ 72 mil a Michelle Bolsonaro, mulher do presidente Jair Bolsonaro, quando era funcionário lotado no gabinete do então deputado estadual Flávio Bolsonaro. A informação, revelada nesta sexta-feira pela revista "Crusoé", lançou dúvidas sobre a natureza dos pagamentos feitos pelo ex-assessor à família do presidente. Em 2018, Bolsonaro havia declarado que os depósitos feitos por Queiroz chegavam a R$ 40 mil, valor inferior ao revelado pela "Crusoé".

Além da quantia repassada por Queiroz, sua mulher, Márcia de Aguiar, também destinou R$ 17 mil em cheques para Michelle, segundo informação revelada pelo jornal "Folha de S. Paulo" e confirmada pelo GLOBO.

Já havia sido comprovado que Queiroz fez um depósito de R$ 25 mil em dinheiro na conta da mulher do senador Flávio Bolsonaro  uma semana antes de o casal quitar a primeira parcela na compra de uma cobertura em construção na Zona Sul do Rio. A informação foi publicada nesta sexta-feira pelo jornal "Folha de S.Paulo".

ORGULHO

A nova fábrica da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que será montada para produzir vacinas contra Covid-19 , receberá o investimento de R$ 100 milhões de um grupo de oito empresas e fundações: Ambev, Americanas, Itaú Unibanco, Stone, Instituto Votorantim, Fundação Lemann, Fundação Brava e Behring Family Foundation. A previsão é que a unidade entre em operação até o começo do ano que vem, com capacidade de produzir até 30 milhões de doses por mês. A fábrica ficará numa área de 1,6 mil metros quadrados no complexo de Bio-Manguinhos. O investimento dos empresários dará apoio para a reforma da ala do edifício e a compra e instalação de equipamentos complementares aos já existentes no local.

VERGONHA

Um vídeo de um ato de discriminação viralizou na internet nesta sexta-feira (7). As imagens feitas por um morador de um condomínio residencial de alto padrão em Valinhos (a 79 km de São Paulo) mostram um homem branco xingando e humilhando um entregador de aplicativo negro, Matheus Pires, motoboy, por causa de um atraso na entrega.  É possível ver Matheus sendo chamado de "lixo" e "semianalfabeto". O agressor diz ainda que o jovem tem "inveja da vida que as pessoas dali têm", e afirma que o profissional não tem onde morar, nem "nunca vai ter nada disso aqui". Em dado momento, o homem branco aponta para o braço e diz que o entregador negro tem inveja daquilo, mas nunca poderá ter aquilo. O entregador responde a cada frase, pedindo respeito. Eu falei pra ele que essa era uma atitude que não era mais aceita. O que ele faz é pra se mostrar superior às pessoas”, disse o  motoboy.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.