BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Prefeitura oferta 53 pontos de vacinação contra a Covid-19 em Manaus nesta semana


A Prefeitura de Manaus irá ofertar 53 pontos de vacinação contra a Covid-19 nesta semana, dando continuidade às ações de prevenção à doença na cidade. A campanha é coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), que disponibiliza 1ª, 2ª, 3ª e 4ª doses do imunizante, respeitando os intervalos preconizados pelo Ministério da Saúde.

O secretário municipal de Saúde, Djalma Coelho, informou que as 53 unidades que aplicam a vacina contra a Covid-19 irão funcionar de segunda, 13/6, a quarta-feira, 15/6. Os detalhes da realização da campanha no feriado de Corpus Christi, 16/6, serão divulgados nos próximos dias.

Djalma explicou que nove UBSs de horário ampliado irão atender o público das 8h às 20h, a sala de vacina do shopping Phelippe Daou, na zona Leste, atenderá das 9h às 16h, e as demais 43 unidades de saúde funcionam das 8h às 17h. Apenas duas unidades de saúde, na zona Leste, serão exclusivas para a vacinação de crianças de 5 a 11 anos.

A lista com os endereços das salas de vacina, horários e públicos atendidos pode ser conferida no site da Semsa (semsa.manaus.am.gov.br) e nas redes sociais do órgão (@semsamanaus no Instagram, e Semsa Manaus no Facebook).

Públicos

O titular da Semsa informou que todos os usuários com 5 anos de idade ou mais podem iniciar o esquema vacinal contra a Covid-19. De acordo com ele, a segunda dose precisa ser tomada, seguindo o intervalo necessário, para que o usuário complete o ciclo de imunização contra a doença.

A terceira dose está liberada para todas as pessoas com 12 anos ou mais. Já a quarta dose pode ser tomada apenas por pessoas com 50 anos ou mais, trabalhadores da saúde e adultos imunossuprimidos.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.