BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Polícia prende suspeito de ter matado professor no Parque Dez


Layan Maricaua de Souza, 18, foi preso pela Polícia Civil (PC) em Parintins (a 369 quilômetros de Manaus). De acordo com o delegado Paulo Martins, da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) o homem é suspeito de ter assassinado no dia 10 de julho, um professor de educação física.

A prisão, segundo Martins, ocorreu em cumprimento a um mandado de prisão temporária. De acordo com o delegado, ele foi localizado na casa de familiares. “Descobrimos que ele foi para Parintins logo após ter praticado o crime e estava na casa de uma namorada com quem tem um filho”, disse o delegado.
 
Conforme o delegado, Layan confessou, em depoimento a pratica do crime. À polícia, segundo Martins, o suspeito afirmou ter praticado o crime, após ser assediado pelo professor. “Sabemos que isso é mentira porque ele foi visto várias vezes indo a casa da vítima”, disse o delegado.
 
Após ter praticado o crime, Layan fugiu levando uma caixa de som, um celular e um notebook. De acordo com o delegado, o computador foi vendido e com o dinheiro pagou a passagem para Parintins. “Descobrimos que ele estava oferecendo pela internet alguns dos objetos roubados da casa da vítima, o que reforçou a suspeita de participação dele nesse crime”, informou o delegado Raphael Campos, adjunto da DEHS, responsável pela investigação.
 
Layan foi indiciado pelo crime de homicídio e será encaminhado para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.