Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Medida de Bolsonaro ameaça diretamente o Polo Industrial de Manaus


O presidente Jair Bolsonaro (PSL) usou as redes sociais para anunciar um estudo com a possibilidade de reduzir de 16% para 4% dos impostos sobre importação de produtos de tecnologia da informação, como computadores e celulares. Logo na sequência, completou dizendo que também estudar reduzir impostos para jogos eletrônicos.

“Para estimular a competitividade e inovação tecnológica, o governo estuda, via secretaria do Ministério da Economia, a possibilidade de reduzir de 16% para 4% os impostos sobre importação de produtos de tecnologia da informação, como computadores e celulares”, disse o presidente pelo Twitter na noite de domingo.

As reações foram imediatas. Enquanto eleitores do Sul e Sudeste do País elogiaram o presidente e disseram ser a favor da medida, muitos internautas do Norte do País não gostaram da ideia, uma vez que atinge frontalmente a Zona Franca de Manaus.

O deputado Serafim Corrêa se disse preocupado. “Fiquei assustado com o anúncio hoje pelo Presidente da República através de suas redes sociais de que vai diminuir alíquotas do Imposto de Importação de computadores e celulares. Vão quebrar todas as indústrias do ramo na Zona Franca de Manaus e no Brasil. Ou vão virar importadoras. É a repetição da abertura do Governo Collor. Os produtos ficarão baratos, mas vai aumentar o desemprego. Portanto, faltarão compradores. Isso é solução?”, questionou.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.