Calendário

novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Dito & Feito – Dois bicudos não se beijam

O governador de São Paulo e presidente do partido, Geraldo Alckmin, disse que a carta enviada pelo prefeito Arthur Virgílio ao PSDB não significa que o partido esteja rachado.

No dia 11, Arthur Virgílio escreveu uma carta cobrando prévias no partido para definir o candidato à Presidência da República e dando uma cutucada em Alckmin para ele acabar com o “disse-me-disse” sobre prévias. Em resposta ao tucano amazonense, o tucano paulista disse que “prévia não divide, prévia escolhe”.

— Prévia não divide, prévia escolhe. Você pode escolher em um ambiente mais restrito e você pode escolher em um universo maior. Quanto mais você amplia e escuta, menos você erra, mais você acerta, disse Alckmin.

A briga vai ser feia. Os dois postulam ao cargo de candidato a presidente em 2018.

MUI AMIGO

Questionado sobre as críticas de Virgílio, o governador se limitou a dizer.

— Tenho um grande apreço pelo colega de partido.

ALELUIA!

Depois de um longo “puxa-encolhe”, a Assembleia Legislativa aprovou, em sessão extraordinária, na noite de terça-feira (26) a Lei Orçamentária Anual (LOA) para o ano de 2018, prevendo R$ 15,4 bilhões em recursos para o Governo do Estado.

MAGOOU

O placar já era esperado: Dos 24 deputados, 23 votaram a favor e houve uma abstenção.

A abstenção foi do deputado José Ricardo (PT). Um protesto contra a rejeição de uma emenda de sua autoria que defendia a destinação de recursos para pagamento da data-base dos servidores da área da Educação.

PRÓS & CONTRAS

Treze deputados da bancada governista, aprovaram a Lei Orçamentária de acordo com a estratégia do governador Amazonino Mendes, claro.

Já os dez deputados da bancada oposicionista também votaram a favor, mas defendendo a legalidade da emenda e assegurando que vão defender sua execução.

CANTOU VITÓRIA

O líder do governo na Casa Legislativa, deputado Dermilson Chagas (PEN), que conduziu a base governista para aprovação da LOA, considerou como uma grande vitória para o Governo do Estado.

EVITOU O “CAOS”

Em conjunto, a base governista liderada por Dermilson, se posicionou contra as emendas coletivas que beneficiavam os servidores da segurança e educação devido à preocupação financeira do Estado para o próximo ano.

— A base atuou com responsabilidade com o Estado para evitar o caos.

CARONA DE CANOA 

Fazia tempo que Manaus não vivia um final de ano com tanta chuva. Há duas semanas o sol não dá o ar de sua graça e o réveillon amazonense, na praia da Ponta Negra, poderá ser debaixo d’água.

— Tá chovendo tanto que sapo vai pereferir carona de canoa! – brincou um cidadão, na manhã de ontem, no shopping Manauara.

GUARDA-CHUVA

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, Manaus poderá ter o segundo dezembro mais chuvoso em 56 anos. De 1º de dezembro até esta terça-feira (26) já tinham desabado 411,0 mm de chuvas.

 VANESSA DETONA 

Uma das mais fortes críticas às reformas Trabalhistas e da Previdência partiu de Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM). De acordo com a senadora comunista, elas vão prejudicar principalmente jovens, mulheres e pobres, que são mais vulneráveis nas relações de trabalho.

INJUSTA E DESNECESSÁRIA

Procuradora da Mulher no Senado, Vanessa disse que as mulheres são a parcela da sociedade que mais sofrerá caso seja aprovada a reforma da Previdência.

— A reforma é injusta e desnecessária. O presidente Michel Temer não fornece dados que justifiquem a reforma e faz “terrorismo” ao dizer que, se não for feita, o Brasil pode parar.

SÓ OS VACINADOS

De autoria do deputado Abdala Fraxe (Podemos), nova Lei obriga a apresentação da carteira de vacinação atualizada no ato da matrícula nas escolas que oferecem os ensinos infantil, fundamental e médio.

NÃO SE TRATA DISSO

Para Fraxe, a lei não é uma forma de incluir um documento a mais para realização da matrícula. Mas sim de garantir que os pais tenham o compromisso de atualizar a vacinação das crianças.

EM ALTA

A árvore de natal diferente e sustentável, inaugurada no Parque Vaca Brava, em Goiânia. Ela tem 15 metros e é toda feita de garrafas pet retiradas das ruas. Foram usadas 60 mil garrafas plásticas recolhidas durante a limpeza diária das ruas.

VAIAS

O candidato a candidato a presidente da República, Jair Bolsonaro, que jura não ser homofóbico, mas dispara frases como esta. Veja: “Não vou combater nem discriminar, mas, se eu vir dois homens se beijando na rua, vou bater”.

Deixe uma resposta