BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito - General Mourão falhou e a floresta quase evaporou


O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, disse nesta quarta-feira, 24, o que todo mundo já sabia. Depois de toda  a pompa e rompantes de vaidade de que ele seria o herói defensor da Amazônia, como coordenador do Conselho Nacional da Amazônia Legal (CNAL),  o general admitiu que falhou.

—  Se você quer um culpado, sou eu. Não vou dizer que foi o ministro A ou ministro B. Eu que não consegui fazer a integração de forma que funcionasse –, declarou o vice, em entrevista coletiva no Palácio do Itamaraty após a sétima reunião do Conselho, a última do ano.

Apesar de reconhecer falhas, Mourão destacou que não tem um papel executivo na gestão federal.

— Eu tenho meus limites na minha cadeira de presidente do Conselho. Eu não posso dar ordem, isso é uma limitação bem grande. O governo é exercido pelo governo e seus ministros –, afirmou o vice-presidente.

Desmonte

Em meio ao desmonte das estruturas de fiscalização do País, como o Ibama, o vice-presidente também voltou a reconhecer que é preciso ampliar o número de servidores responsáveis pela aplicação de multas.

— É fundamental a recuperação da capacidade operacional das agências ambientais –, afirmou, na coletiva.

Perguntar não ofende

Ops!... Quem foi que fez o desmonte das instituições de fiscalização e pesquisa, como INPE, INPA e IBAMA?

O próprio governo do qual o general é vice-presidente, ora bolas!

Bolsonaro autorizou

Jair Bolsonaro

Mourão ainda afirmou na coletiva que apenas 65% do desmatamento informado pelo Inpe foi ilegal. Ou seja, os outros 35% seriam fruto de autorizações do governo para corte de árvores em áreas privadas. Até aí tudo bem, mas o governo  não é, também, o vice-presidente Mourão. Por que, então, ele concordou com isso?

Postura equivocada

Aliás, em novembro de 2020, o deputado Serafim Corrêa (PSB) criticou da tribuna da Assembleia Legislativa a  postura equivocada do  vice-presidente em esconder a devastação na Amazônia, como tentativa de melhorar a imagem da floresta no exterior.

— É  lamentável, tendo em vista que as verdadeiras informações podem ser visualizadas através de imagens de satélites –, disparou Serafim.

O sonho acabou

A Uber disse que vai suspender as operações de seu aplicativo em Bruxelas a partir de 26 de novembro, depois que um tribunal belga decidiu que uma proibição de 2015 relacionada à oferta de serviços de táxi por particulares também se aplica aos motoristas cadastrados na plataforma da empresa norte-americana.

O sonho acabou 2l

A Uber disse que a decisão desta quarta-feira do Tribunal de Apelações de Bruxelas afetará cerca de 2 mil motoristas e pediu ao governo belga que mude rapidamente as leis dos serviços de táxi.

Pelo andar da carruagem, em breve a Uber do Brasil, que também anda mal das pernas, deverá vai fazer o mesmo.

Nem pensar

O vice-líder do PSD no Senado, Omar Aziz (AM), faz questão de deixar bem claro que jamais vai fazer bilu-bilu pro presidente Jair Bolsonaro.

Sem papas na língua, Aziz disse nesta quarta-feira, 24,  não ver condições para votação da PEC dos Precatórios na CCJ na semana que vem.

— Não adianta querer açodar as coisas porque o governo quer –, comentou Aziz.

Auxílio “politiqueiro”

O senador ressaltou que apoia o pagamento do Auxílio Brasil de R$ 400 à população – medida que será possível após o espaço fiscal aberto pela PEC –, mas deseja saber se o valor será permanente ou “politiqueiro”.

— “Não iremos açodadamente votar absolutamente nada”, afirmou o senador.

O filho é teu!

Garimpo no Rio Madeira


O Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) fez questão de esclarecer que as balsas ancoradas no rio Madeira são de  competência dos órgãos federais. A regulamentação da exploração mineral na área, conforme o gestor, é de competência da Agência Nacional de Mineração.

O filho é teu 2

Ainda sobre a exploração de garimpos no Madeira, o Ipaam  deixa claro que licenciamento é de responsabilidade do Ibama e a atuação, em caso de crimes de exploração ilegal de minério, é competência da Polícia Federal.

Ainda sobre a trafegabilidade e de poluição hídrica, o acompanhamento é feito pela Marinha.

Lua de mel

O presidente Jair Bolsonaro disse que sua filiação ao PL é um  “casamento” com Valdemar Costa Neto e que eles serão “felizes para sempre”.

– Está tudo certo para ser um casamento e seremos felizes para sempre.

Dia do “sim”

O “casamento” de Bolsonaro com Waldermar Costa Neto está programado para o dia 30, terça-feira, por volta das 10h30 da manhã.

ÚLTIMA HORA

Ex-Polegar diz saber a verdade sobre a morte de Gugu Liberato

Gugu Liberato

Rafael Ilha voltou a gerar polêmica ao comentar sobre a morte de Gugu Liberato, vítima de um acidente doméstico em sua casa nos EUA, em 2019. Durante ao Na Real, o ex-Polegar levantou dúvidas sobre o que realmente aconteceu com o apresentador.

— Gugu não troca a pilha nem do microfone. Ele não sabe. Quanto mais mexer num sistema de condicionamento de ar. Com certeza tem algo além.

Durante ao Na Real, o ex-Polegar levantou dúvidas sobre o que realmente aconteceu com o apresentador.

— Pode ter sido uma fatalidade, independente da situação. Mas falar que o cara subiu? Não foi. Ali foi uma situação passional que houve. Independente da situação, que eu sei qual foi, foi uma fatalidade –, afirmou Ilha.

ORGULHO

Os bons ventos da sorte sopraram sobre Kentucky, nos Estados Unidos. Lá, uma enfermeira acaba de ganhar R$ 1 milhão na loteria exatamente no primeiro dia da sua aposentadoria. A  enfermeira, que pediu para não ser identificada. Ela assinou os papéis da aposentadoria e retornava para casa quando parou na loja para comprar itens pessoais, em Kentucky, nos Estados Unidos. Na ocasião, a enfermeira pegou uma raspadinha e, no próprio local, viu que tinha sido premiada. A nova milionária contou que trabalhou muito no último ano. Ela fazia parte da equipe de linha de frente contra a Covid-19. “Foram tempos difíceis”, comentou. Kentucky teve 757.016 casos de Covid-19 e 10.104 mortes nesta pandemia.

VERGONHA

Mais um episódio lamentável na biografia de Carlinhos da Silva, o Mendigo, ex-integrante do Pânico: ele sumiu do mapa e obrigou a Justiça a iniciar uma busca por seu paradeiro para responder a um processo por homofobia. Ele foi procurado por diversas vezes em seus endereços residenciais, e agora uma publicação no Diário Oficial pede para ele dar as caras.

— Prefiro ser órfão, do que ser adotado por uma mulher operada que se passa por homem, para ter o privilégio de adotar uma criança. Prefiro ser também órfão, do que ser criado por um homem operado se passando também por mulher para querer ser mãe –, escreveu Mendigo na ocasião.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.