BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito - “BRASÍLIA É UMA ILHA DA FANTASIA” - Marcelo Ramos faz duras críticas a Bolsonaro e elogia os governos Lula


Ao se deparar com a avaliação negativa da população sobre o Legislativo brasileiro, o deputado federal Marcelo Ramos (sem partido) reagiu meio que decepcionado.

Na verdade, durante entrevista em Brasília, Ramos se disse “angustiado”, só de lembrar que a maioria dos parlamentares do Congresso brasileiro abriu mão de analisar os mais de 140 pedidos de impeachment de Bolsonaro, além de centenas de outros projetos de interesse social.

— Brasília é uma ilha da fantasia, um conto de fadas, um lugar onde não tem pobreza. Os homens se vestem de terno e todos andam de carro com ar-condicionado entre o Congresso e seu apartamento funcional.

A profunda crise social, segundo ele, confirma a incapacidade do governo de Jair Bolsonaro de dar respostas.

—  É preciso muita incompetência, incapacidade de gestão, insensibilidade com as dores do povo brasileiro para conseguir que, no ano da reabertura das atividades, o país tenha 15 milhões de desempregados, 20 milhões de pessoas passando fome, inflação nos produtos essenciais a 30%, a 10,5% na média e juros crescentes –, disse.

Me belisca

Marcelo disse que “se você não se beliscar todo dia, acaba se desconectando do povo”.

— Esquece qual é a sua missão, que é a de estar ali, de servir as pessoas –, disse, em entrevista a Gustavo Conde, do programa Bom para Todos, da TVT.

Elogios a Lula

Apesar de fazer críticas ao PT em alguns setores, o vice-presidente da Câmara não poupou elogios aos governos Lula. Ele destacou o diálogo sempre aberto pelo petista com os setores econômicos do país.

—  Toda vez que eu vou a uma reunião que tem um setor muito hostil ao presidente Lula, faço uma pergunta: qual foi o período que o seu negócio mais prosperou? Não tem nenhum que não diga que foi no período Lula.

É só preconceito

Para Ramos, algumas pessoas têm mais preconceito do que amor ao seu próprio negócio.

— O cara prosperou, tá arrebentado agora, mas o preconceito dele de não admitir o operário presidente do país é maior que a responsabilidade dele com o seu negócio –, critica.

Estilo Odorico

O secretário municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), Sabá Reis, assinou, na manhã desta terça-feira, 4/1, a ordem de serviço para a reforma do cemitério Santo Alberto.

A luta de Sabá para reformar cemitérios lembra a saga do prefeito Odorico Paraguassu (no traço de Dacosta), da novela O Bem Amado, que tinha como fixação a inauguração do cemitério de Sucupira.

Desculpem o trocadilho

A obra está estimada no valor de R$ 786.460,47. Os recursos para as reformas são oriundos de emenda parlamentar. É o que se pode dizer que, mesmo licitadas, o custos das obras públicos, como as do cemitério em questão,  estão “pela hora da morte”.

Não faltou aviso

O senador Omar Aziz (PSD-AM) está coberto de razão quando diz que a Anvisa alertou o governo brasileiro do avanço da Ômicron.

— A Anvisa tinha comunicado isso ao governo, tinha feito as devidas recomendações – cutucou o ex-presidente da CPI da Covid.

Alfinete

A alfinetada do senador foi ao portal O Antagonista. Aziz disse ainda que, mais do que nunca, é preciso respeitar a ciência, a ciência tinha alertado para isso.

Banda dos negacionistas

O  grande número de vacinados infectados pela nova variante Ômicron está servindo de pretexto para os antivacina. Mas, para Omar Aziz, a banda dos negacionistas “não tem força no Brasil”.

— Dizem que ‘a pessoa está vacina e está contraindo o vírus’. Ora, qualquer vacina te protege para que a situação não agrave. Se tiver vacinado, a chance de a situação não agravar é muito maior.

Vade retro!

E em mais uma cutucada em Jair Bolsonaro, o senador do Amazonas detona:

—O antivacina é fogo! É  incrível que ainda tenha gente com esse discurso. Mas, graças a Deus, as pessoas estão se vacinando no Brasil –, disparou Aziz.

"O antivacina é fogo", diz Aziz

Debandada

Em protesto contra a falta de previsão de reajuste salarial no Orçamento de 2022, servidores do Banco Central, representados pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores do BC (Sinal), iniciaram movimento de entrega de cargos de chefia nesta segunda-feira (3).

Em nota, o Sinal afirmou que será elaborada uma lista nos próximos dias com os nomes de quem aderiu, informa a Folha de S.Paulo.

Efeito dominó

O ato vem após movimento semelhante dos servidores da Receita Federal, que observou debandada de mais de 900 profissionais.

Indignação

Servidores do BC veem com "indignação" a falta de reajuste, que beneficiará somente policiais federais.

Prato cheio

Com apenas três meses, o restaurante popular Prato Cheio de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus), criado pelo Governo do Amazonas serviu  8 mil refeições. A meta é alcançarmos 16 mil refeições até o final de janeiro somente nesta unidade.

Testagem no aeroporto

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) realiza, nesta quarta-feira (05/01), ação de sensibilização e de estímulo à testagem contra a Covid-19 no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes.

O objetivo da ação é incentivar a testagem e alertar para a manutenção dos cuidados de prevenção à doença.

Vigilância

A estratégia do Governo do Amazonas, de ofertar a testagem nas portas de entrada da capital, reforçar a Vigilância Genômica do Amazonas para detecção e contenção de variantes do vírus no estado.

Exames 0800

Os exames de antígeno e RT-PCR estão disponíveis gratuitamente para os passageiros que desembarcam no aeroporto, no porto e na rodoviária de Manaus.

Alô, prefeitura!

A secção  “Alô Prefeitura!” é  uma forma de o contribuição do Blog do Mário Adolfo para alertar o poder público sobre problemas que existem em Manaus e nem sempre são do conhecimento dos administradores da cidade.

Alô, prefeitura! 2

Afinal, Prefeitura não pode estar em todos lugares ao mesmo tempo. Espera-se que, ao concertar o que foi apontado na coluna “Dito&Feito” a administração municipal comunique ao blog para que possamos divulgar a solução do problema.

Alô, prefeitura! 3

O buraco negro  da fotografia fica na esquina da rua  Major Gabriel com a Avenida Ayrão, do outro lado da pista que passa em frente à pizzaria Loppiano, tendo na outra esquina o prédio da Amazonas Energia e na outra esquina a sorveteria Glacial. Quer dizer, trata-se de  uma área de muito movimento.  Bem o lado da cratera, existe um estacionamento rotativo sem qualquer iluminação e quem estaciona seu carro e se desloca rumo à pizzaria ou às lanchonetes que também estão instaladas ali ao lado, corre um sério risco de ser engolido pelo buraco. Está na hora da Prefeitura mandar seu pessoal ir lá colocar fim ao perigo.

ÚLTIMA HORA

Noblat diz que Bolsonaro pode desistir da candidatura à reeleição

De acordo com o Blog do Noblat, Jair Bolsonaro pode desistir de se  candidatar  à reeleição caso se convença que a derrota será certa e humilhante. Seu estado de saúde inspira cuidados, e não é de hoje. “Estão dadas as condições para que Bolsonaro desista. Seu estado de saúde inspira cuidados, e não é de hoje. É um paciente que desrespeita as recomendações médicas.”, escreveu o jornalista. Depois da facada que levou em Juiz de Fora, ele já foi operado 4 vezes. A última foi em setembro de 2019 para corrigir uma hérnia que emergiu pela cicatriz da operação anterior. Sua mais recente internação foi em julho passado também com obstrução intestinal.

Somem-se a isso outros dois procedimentos cirúrgicos sem relação com a facada, mas que o obrigaram a ser hospitalizado: a retirada de um cálculo na bexiga e uma vasectomia.

ORGULHO

Uma boa notícia para os fãs de Anitta. A cantora assinou um contrato internacional com a Editora Sony Music Publishing, a mesma que administra os catálogos das rainhas Rihanna, Beyoncé e Pharrel. A notícia saiu na Billboard, uma das publicações mais respeitadas do mundo da música. Coincidência ou não, o contrato com a Sony Global veio após a artista brasileira estrelar na festa de ano novo da cantora Miley Cyrus, nos Estados Unidos.

VERGONHA

Ninguém, de bom  senso, quer a morte e muito menos o sofrimento de ninguém em um leito de hospital. Nem mesmo de Jair Bolsonaro, que tanto espraguejou,  debochou, agrediu  e se omitiu do sofrimento das pessoas na longa jornada do país contra a Covid-19. Agora mesmo, no final do ano, ele passeava pela Praia do Forte, em São Francisco do Sul, Santa Catarina, enquanto o povo baiano sofria e amargava a sua tragédia. Bolsonaro foi  criticado nas redes sociais por tirar folga enquanto a Bahia enfrentava a  crise gerada por fortes chuvas. As enchentes já haviam deixado pelo menos 20 mortos e milhares de desabrigados no estado. Estoques de vacinas e medicamentos foram destruídos. Em maio de 2020, no dia em que o Brasil ultrapassou a marca de 10 mil mortos pela Covid-19 o que motivou decretação de luto pelas cúpulas do Legislativo e do Judiciário, Bolsonaro também fez um passeio de moto aquática no Lago Paranoá, um dos cartões postais de Brasília. Agora, em SC, ele disse que não botaria antes de acabar as férias. Voltou. Como se vê, a lei do retorno cobra lá na frente.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.