BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Boletim epidemiológico registra 881 casos de sarampo em Manaus


A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), divulgou nesta segunda-feira, 10/9, o 27º Informe Epidemiológico de Monitoramento do Sarampo, apontando que Manaus registra 881 casos confirmados da doença. São dez casos a mais do que o apontado no 26º Informe, do dia 3 de setembro. Nesse mesmo período, os casos suspeitos, que ainda estão em investigação para confirmação laboratorial ou descarte, passaram de 6.222 para 6.511.

No total, desde o início do surto de sarampo no mês de fevereiro, Manaus tem 7.763 notificações da doença, o que inclui os 881 casos confirmados, 371 descartados e 6.511 casos suspeitos.

A diretora do Departamento de Vigilância Ambiental e Epidemiológica (Devae/Semsa), enfermeira Marinélia Ferreira, destaca que a Semsa continua intensificando a oferta da vacina contra o sarampo para a faixa etária de seis meses a 49 anos, disponibilizada em todas as 183 salas de vacina do município de Manaus.

De acordo com dados do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SI-PNI), já foram aplicadas 660.102 doses de vacina entre a população de Manaus, incluindo as ações de Campanha de Vacinação direcionadas para crianças de seis meses a cinco anos, e as ações de rotina, com primeira e segunda dose, de intensificação, varredura e bloqueios vacinais.

“A vacina é a única forma de prevenção contra o sarampo e os serviços de saúde continuam ofertando o serviço para a população na rotina de atendimento. Os pais e responsáveis precisam ficar atentos para a atualização vacinal dos filhos, tanto as crianças quanto adolescentes. E os adultos jovens devem procurar uma Unidade de Saúde para avaliação da situação vacinal, principalmente de 20 a 29 anos, que representa a faixa etária com maior aumento no registro dos novos casos suspeitos”, alerta Marinélia Ferreira.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.