BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Zé Roberto vira evangélico e L7 desiste do CDN


Após assistirem os seus principais pontos de vendas de drogas serem “arrebatados” pelo Comando Vermelho (CV), remanescentes da "esfacelada" facção criminosa Família do Norte (FDN) se reorganizaram e criaram o Cartel do Norte (CDN), para voltar ao campo de batalha que tem os bairros manauaras como "pano de fundo". A “guerra”, que parece não ter fim, tem deixado poças de sangue em disputas pelas áreas consideradas estratégicas por narcotraficantes da capital do Amazonas.

Um dos problemas enfrentados pelo CDN para “concorrer” em pé de igualdade com o CV é a falta de organização operacional. Os desafios iniciaram quando o famoso narcotraficante Zé Roberto da Compensa, um dos fundadores da FDN, se afastou do crime para se batizar à doutrina evangélica, recentemente. Ele cumpre pena em um presídio de segurança máxima no Mato Grosso do Sul.

Já o filho de Zé, Luciano Barbosa, conhecido como “L7”, foi capturado enquanto participava de uma audiência no Fórum Henoch Reis, Zona Centro-Sul, no início de setembro. Ele é conhecido pela extensa ficha criminal, que incluiu execuções de rivais e tráfico internacional de drogas.

O narcotraficante Zé Roberto | Foto: Reprodução

Em um vídeo gravado dentro de uma penitenciária - que não foi revelada pelo Governo do Amazonas, “L7” diz que cansou de ter que viver fugindo e enviou um recado a “Chico Velho”, desejando boa sorte.

"Quero dizer que estou abrindo mão de tudo, já chega. Senão, minha vida só vai ser essa aqui, cadeia ou morte. É de coração, espero que ele me entenda, eu fiz o que pude. Não dá não se não vou acabar que nem meu pai. Eu não tive nem a oportunidade de ver meu filho, não estou nem há um ano na rua e já fui perseguido de novo. Chico Velho, tu é meu irmão, mas para mim já deu. Quero que você tenha uma boa sorte aí, que eu vou buscar a Deus", afirmou.

L7 foi preso neste mês | Foto: Suyanne Lima

A prisão de "L7" pode fragilizar o projeto do CDN para dominar a capital do Amazonas, por ter potencial para causar vertigem nas relações de poder do movimento.

Fonte: EM TEMPO

Redação

Redação

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.

Manaus