Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

 Wilson Lima anuncia nomes que irão compor a comissão de transição


O governador eleito do Amazonas, Wilson Lima (PSC), anunciou em coletiva de imprensa na tarde desta terça-feira (30), os nomes de sua equipe da comissão de transição que irão trabalhar em conjunto com a comissão a ser criada pelo governo do Estado no levantamento de dados a fim de promover um raio-x da gestão estadual do Amazonas.

O grupo vai ser coordenado pelo administrador e especialista em políticas públicas, Humberto Laudares, que já foi secretário de Economia e Planejamento do governo do Estado de São Paulo; e terá como membros Gabriel Chalita, ex-vereador paulista e ex-secretário de Juventude e de Educação também de São Paulo; do deputado estadual Luiz Castro (Rede) e do vice-governador eleito, Carlos Alberto Almeida Filho (PRTB).

Nesta quarta-feira (31) desembarca na capital amazonense o médico infectologista David Uip e o general da reserva, Franklimberg Ferreira, que também vão integrar a comissão de transição do governador eleito, Wilson Lima.

O documento com os nomes dos membros será enviado amanhã ao governador Amazonino Mendes (PDT) para que seja publicado o decreto estadual com a composição da comissão de transição que irá coletar informações do governo para a próxima gestão, que se inicia em 1º de janeiro de 2019.

O grupo de trabalho tem a prerrogativa de requerer todos os dados financeiros e administrativos do governo em andamento, bem como a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), Plano Plurianual (PPA) e Lei Orçamentária (LOA). O governador eleito Wilson Lima explicou a escolha dos nomes pela experiência que possuem e por acreditarem na mudança e na forma de fazer política, além de terem experiências administrativas bem sucedidas em outros Estados do país.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.