Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Weintraub pediu prisão de ministros do STF e Damares de prefeitos e governadores


Está explicado porque o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não queria entregar ao STF o vídeo  da reunião ministerial do dia 22 de abril, citado pelo ex-ministro Sérgio Moro. No vídeo, exibido nesta terça, a um restrito grupo de pessoas autorizadas pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Celso de Mello, o ministro da Educação Abraham Weintraub diz que “todos tinham que ir para a cadeia, começando pelos ministros do STF”. Já a a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, aparece defendendo a prisão de governadores e prefeitos. As informações são de fontes que assistiram, nesta terça-feira, o vídeo do inquérito sobre suposta interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal (PF).

Bosta e estrume”

Também na reunião, Bolsonaro chamou o governador de São Paulo, João Dória, de 'bosta' e pessoas do governo do Rio de Janeiro de 'estrume'.

Meus filhos, meu tesouro

Investigadores avaliam que o conteúdo da gravação 'escancara a preocupação do presidente com um eventual cerco da Polícia Federal aos filhos'. Jair Bolsonaro 'justificou a necessidade de trocar o superintendente da corporação no Rio de Janeiro à defesa de seus próprios filhos' alegando que a família é 'perseguida'.

Confesso que errei

O  deputado Sinésio Campos (PT) mudou de ideia. E apresentou requerimento à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, na manhã desta terça-feira (12), pedindo a revisão de voto sobre o Projeto de Lei que estabelece as igrejas e os templos de qualquer culto como atividade essencial em períodos de pandemia.

Pau comendo

Na semana passada ele tinha votado a favor. Além de encarar uma nota de repúdio do PT nacional, o parlamentar foi torpedeado por vários segmentos. Tipo “cachorro amarrado e pau comendo”.

Guedes ameaça sair

O Centrão começa a corroer o governo por dentro. O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse a auxiliares na semana passada que deixará o cargo se o governo retirar qualquer secretaria da pasta para transformá-la em um novo ministério. O ministro vem atuando nos bastidores para barrar tentativas de negociar secretarias de seu ministério com os partidos do Centrão.

Quem vai querer

Integrantes do Republicanos dizem que o governo ofereceu ao partido a chefia da Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, hoje comandada por Carlos da Costa.

Senadores na CMM

Os senadores Plínio Valério (PSDB-AM) e Eduardo Braga (MDB-AM) confirmaram presença  na audiência pública da Câmara Municipal  que será realizada nesta quarta-feira (13).O objetivo é prestar esclarecimentos e responder a questionamentos sobre o destino dos recursos federais encaminhados para a capital amazonense, como auxílio no combate ao novo coronavírus.

Mirem-se no exemplo

O grupo o Transire está fazendo a sua parte. Doou à Prefeitura de Manaus  duas mil cestas básicas. O prefeito Arthur Virgílio agradeceu:

— O grupo Transire mais uma vez mostra sua sensibilidade ao nos doar duas mil cestas básicas. Todas as doações, das menores às maiores, têm a mesma importância para nós.

Assassinato da miss

Está sendo repercutido em todo o  Brasil o assassinato de Kimberly Karen Mota de Oliveira, Miss Manicoré (AM), 22 anos, qe foi encontrada morta com três facadas no apartamento do namorado, Rafael Fernandes Rodrigues, 31, funcionário do TRT, é apontado pela polícia como o principal suspeito.

Crime choca Brasil

Várias publicações nacionais publicaram o crime e já começam cobrar da polícia do Amazonas a prisão do principal acusado do feminicídio.

Honda prioriza vida

O crescente número de contaminados pelo coronavírus no Amazonas forçou, mais uma vez, a Moto Honda da Amazônia a prorrogar a paralisação de sua fábrica localizada no Polo Industrial de Manaus. O retorno às atividades estava previsto para o próximo dia 18 e foi adiado em uma semana, para a segunda-feira, 25.

80% da produção

Esta é a segunda vez que a empresa estende a  interrupção, que começou em 27 de março. Inicialmente, a ideia era  voltar a produzir em 4 de maio. A  montadora, responsável por cerca de 80% da produção brasileira de motocicletas.

Mirem-se no exemplo

De acordo com a Honda, a decisão prioriza a saúde e segurança das pessoas. E está alinhada às iniciativas para conter a disseminação do novo coronavírus no município, que enfrenta sobrecarga no sistema de saúde.

Querida, abri o salão!

O presidente Jair Bolsonaro decidiu aumentar a lista de profissões "essenciais" durante a pandemia. Incluiu academia, salão de beleza e cabeleireiro. O decreto saiu logo depois, em edição extra do Diário Oficial.

— Academia é vida. As pessoas vão aumentando o colesterol, têm problemas de estresse. A questão do cabeleireiro também. Fazer cabelo e unhas é questão de higiene —, justificou o capitão.

Último a saber

A reação do ministro da Saúde Nelson Teich, ao saber da novidade por meio da imprensa durante a coletiva de segunda-feira, 11/04, foi constrangedora.

— Saiu hoje, isso? –, perguntou, balançando a cabeça em sinal negativo.

Perdido

Depois tentou justificar o fato de que sequer foi consultado:

— Isso não é atribuição nossa, é do presidente.

Segundos depois, alertado pelo secretaŕio – executivo do Ministério, o general Pazuello, corrigiu-se:

— É do Ministério da Economia.

Seria engraçado se...

É até engraçado, porque o texto do decreto diz que salões, barbearias e academias passam a ser serviços essenciais "obedecidas as determinações do Ministério da Saúde"...

Entre numa fria

“Antártida, Cartas do Fim do Mundo” é o livro de Bruna Chíxaro, que a editora Valer – 100% amazonense –, acaba de lançar.

Através de cartas enviadas a amigos, a autora  narra suas aventuras e descobertas a bordo de uma expedição ao continente mais gelado do planeta. Trata-se de um livro quente, sobre uma aventura gelada. Vale conferir.

Memória dolorida

Hoje é 13 de maio, alguém lembrou?

Para quem esqueceu, a  Lei Áurea, que aboliu oficialmente a escravidão no Brasil, foi assinada em 13 de maio de 1888. A data, no entanto, não é comemorada pelo movimento negro.

A razão é o tratamento dispensado aos que se tornaram ex-escravos no País. Isto é, libertaram os negro , só não pensaram ( ou não quiseram) criar as condições para que a população negra pudesse ter um tipo de inserção mais digna na sociedade.

Pergunte ao Criador

Como diz um velho samba de enredo da Mangueira, de 1088,  entoado pelo lendário Jamelão: “Pergunte ao criador/ que pintou essa aquarela/ livre do açoite da senzala/ preso na miséria da favela”.

Nunca nem vi

O diretor da Abin, Alexandre Ramagem, prestou depoimento à Polícia Federal nesta segunda-feira 11. E  jurou de pés juntos não  ter “intimidade pessoal” com o presidente Jair Bolsonaro e seus filhos.

Perguntar não ofende

E aquela foto do revèillon onde Ramagem aparece abraçado com os filhos de Bolsonato é montagem?

Pinocchio

Olha lá, em Alexandre Ramagem, um clássico da literatura infantil italiana ensina que aquele que mente o nariz cresce!

ÚLTIMA HORA

O Ministério da Defesa informou que 73.242 militares das Forças Armadas, incluindo ativos, inativos, de carreira e temporários, pensionistas, dependentes e anistiados receberam indevidamente o auxílio emergencial  de R$ 600.  Em nota, a pasta informou que os comandos das três Forças (Aeronáutica, Marinha e Exército) abriram processo para investigar a participação de cada um de seus integrante em possíveis irregularidades e que os valores recebidos de forma indevida serão devolvidos à União.

ORGULHO

Um levantamento feito base com base em dados oficiais mostra quais são as capitais brasileiras com a maior e a menor taxa de letalidade pela covid-19. O estudo foi feito pelo Núcleo de Operações e Inteligência em Saúde (NOIS), formado por cientistas da PUC-RJ, da Fiocruz e do Instituto D’Or. E as cidades que tiveram menor proporção de mortes em relação aos casos confirmados são: Campo Grande, Cuiabá, Aracajú, Brasília e Boa Vista – estas três últimas aparecem empatadas em terceiro lugar, com 1,5%.

VERGONHA

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (12) que deveria ontem mesmo um "projeto federal com urgência constitucional" sobre ideologia de gênero. Em evento de hasteamento da Bandeira Nacional, com a participação de ministros, Bolsonaro ouviu o pedido de uma criança: "Nós crianças não queremos a ideologia do gênero". É claro que a criança foi usada para isso. O grupo de crianças era tutelado pelo padre polonês Pedro Stepien, ativista antiaborto que costuma comparecer ao Palácio da Alvorada para fazer pedidos ao presidente - entre eles o fim do aborto e da lei de alienação parental.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.