BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

'Os povos indígenas precisam ser cuidados', diz Vanda Ortega ao ser vacinada em Manaus


"Este momento representa muito para os 63 povos indígenas do Estado do Amazonas. Este Estado, que tem a maior população indígena do Brasil, precisa ser cuidado. Venho lá do Parque das Tribos (bairro indígena de Manaus) e nesta segunda onda nós temos, hoje, 32 positivadas para Covid. É necessário garantir vacina para todos os indígenas no território brasileiro. Olhem por nós".

O discurso é de Vanda Ortega, de 33 anos, a primeira vacinada no Amazonas contra Covid-19, em evento que aconteceu na noite desta segunda-feira, 18/01, em Manaus. Ela é técnica em enfermagem nascida no município de Amaturá, interior do Estado. Atualmente mora em Manaus e cuida de indígenas que moram na capital.

"Os nossos povos são muito negados por este sistema de poder. Mas queremos, neste momento histórico, pedir que cuidem dessas populações. Neste momento de pandemia as nossas comunidades não têm nem água potável. Que Tupana olha por todos nós. Viva os povos indígenas", disse Vanda, sob muitos aplausos.

O governador Wilson Lima informou que este é um momento muito simbólico para o Estado. "É muito importante, no momento em que nosso povo é severamente atingido, a vacina é a esperança de voltar à vida e normalidade. não estamos livres, temos que continuar seguindo todos os protocolos, distanciamento, mascara, alcool em gel.", destacou.

Vanda Ortega é de Amaturá
Vanda Ortega é de Amaturá - Fotos: Arlesson Sicsú

Etapas

Na distribuição por fases dos grupos prioritários, que corresponde a 262.142 na 1ª fase, 251.080 na 2 ª fase, 202.608 na 3ª fase e 438.674 na 4ª fase, totalizando 1.154.504 pessoas, cuja meta mínima é vacinar 95% de cada fase. Para as duas doses seriam necessárias 2.424.458 doses.

A estratégia nacional de vacinação dos grupos prioritários em 4 etapas foi considerada a partir da necessidade de distanciamento social e a capacidade instalada dos serviços de saúde.

Confira:

1ª fase - 262.142 pessoas

Povos indígenas Vivendo em Terras Indígenas
Trabalhadores de Saúde
Pessoas de 80 anos ou mais
Pessoas de 75 a 79 anos
Pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas

2ª fase - 251.080 pessoas

Pessoas de 70 a 74 anos
Pessoas de 65 a 69 anos
Pessoas de 60 a 64 anos

Vanda Ortega indígena
Solenidade aconteceu em Manaus

3ª fase - 251.080 pessoas

Comorbidades

4ª fase - 438.674 pessoas

Povos e Comunidades
Tradicionais Ribeirinha
Povos e Comunidades
Tradicionais Quilombola
Pessoas com Deficiências Permanente Grave
Pessoas com Deficiência Institucionalizadas
Funcionário do Sistema de Privação de Liberdade
População Privada de Liberdade
Forças de Segurança e Salvamento
Forças Armadas
Pessoas em Situação de Rua
Trabalhadores de Educação do Ensino Básico
Trabalhadores de Educação do Ensino Superior
Caminhoneiros
Trabalhadores de Transporte Coletivo Rodoviário
Passageiros Urbano e de Longo Curso
Trabalhadores de Transporte Aéreo
Trabalhadores Portuários
Trabalhadores de Transporte de Aquaviário

Confira como foi o evento
Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.