BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Unidades de Saúde cadastram idosos sem acesso à internet no Imuniza Manaus


As Unidades Básicas de Saúde (UBSs), da Prefeitura de Manaus, dos Distritos de Saúde (Disas) Norte, Sul, Leste e Oeste, que não estão fazendo atendimento preferencial de casos suspeitos de Covid-19, estão recebendo pessoas de 60 anos e mais, que não tenham acesso à internet, para que façam o cadastro no “Imuniza Manaus” (https://imuniza.manaus.am.gov.br/), plataforma criada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) para registro de informações relativas à de vacinação.

O atendimento acontece no horário de funcionamento das UBSs, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. O cadastramento também pode ser feito por acompanhantes de idosos ou familiares. Para realizar o cadastro é necessário informar nome, número do CPF, endereço, contato telefônico e se tem alguma comorbidade.

“Estamos buscando alternativas para facilitar ainda mais o acesso das pessoas acima de 60 anos a esse cadastramento, que embora não seja obrigatório, possibilita o agendamento, tornando o atendimento nos locais de vacinação mais rápido. No último dia 6, o prefeito David Almeida determinou a abertura de escolas da rede municipal para esse cadastro. Agora, nossas UBSs estarão de portas abertas para receber esses idosos”, informa a secretária interina da Semsa, Aline Rosa Martins.

Embora não seja obrigatório, o cadastro possibilita o agendamento, tornando o atendimento nos locais de vacinação mais rápido. 

O cadastramento dos idosos para a vacinação contra a Covid-19 começou a ser feito na primeira quinzena de fevereiro, com o objetivo de organizar o fluxo de atendimento e assegurar a vacinação dentro dos prazos estabelecidos pelo fabricante das duas vacinas que estão sendo utilizadas, a CoronaVac/Butantan e a AstraZeneca/Oxford. Até a última sexta-feira, 12, o sistema já computava 147.893 pessoas de 60 anos e mais cadastradas, sendo 55.602 da faixa etária de 60 a 64 anos; 43.726 de 65 a 69 anos; 20.829 de 70 a 74 anos; 12.778 pessoas de 75 a 79 anos; e 14.958 acima de 80 anos de idade.

De acordo com o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, a meta é vacinar, em Manaus, 166.717 pessoas de 60 anos e mais. Com base nesse total, ainda faltam se cadastrar no “Imuniza Manaus” 18.824 pessoas, o equivalente a pouco mais de 11%. O único grupo que ultrapassou o esperado foi o de 65 a 69 anos, cuja meta é vacinar 42.808 pessoas e já foram cadastradas mais de 43 mil. Os outros grupos ainda não alcançaram os números das metas.

“É em busca dessas pessoas que estamos, para ajudá-las, facilitando para que façam o cadastro e avancemos ainda mais na vacinação. Nosso desempenho nesta campanha está superando todas as expectativas, desde o planejamento até a execução. O Amazonas está no topo no ranking nacional e Manaus tem um peso considerável nesse resultado”, conclui a secretária Aline.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.