Calendário

outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

‘Que a ONU reconheça o Dia da Amazônia’, diz Arthur no 1º Fórum das Cidades Amazônicas

“A ficha do mundo caiu e a ficha do Brasil precisa cair. A Amazônia é a região mais importante do Brasil e é uma das mais estratégicas do mundo, isso tem que ficar claro. Esse simpósio é um ponto de partida para nós fazermos uma grande campanha de alcance mundial. E gostaria muito que a ONU fizesse do 5 de setembro o Dia Internacional da Amazônia”, foram essas as palavras do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, à imprensa, durante a abertura do 1º Fórum das Cidades Amazônicas, nesta quinta-feira, 5/9, Dia da Amazônia.

O evento é promovido pela Prefeitura de Manaus, com a parceria da Fundação Konrad Adenauer e o ICLEI – Governos Locais pela Sustentabilidade, e acontece até esta sexta-feira, 6, no Pavilhão Princesa Isabel, do Complexo Armazém XV, no Porto de Manaus.

No Dia da Amazônia, o prefeito disse a prefeitos e representantes de cidades que integram a Amazônia Legal, representantes de organizações nacionais e internacionais, a exemplo da Embaixada da Noruega e do governo da Alemanha, além do público que se inscreveu para participar do evento, que seu objetivo é prometer uma grande união em prol do desmatamento ilegal zero na Amazônia. Para isso, o fórum terá como resultado a elaboração do “Pacto das Cidades Amazônicas”, como manual de responsabilidade sustentável, às vésperas da 25ª Conferência Mundial do Clima, a COP 25, que acontece em dezembro deste ano, na cidade de Santiago do Chile.

“Nós não podemos transigir com a maior riqueza com que conta o Brasil e com o futuro de um mundo que confia muito na nossa possibilidade de fazer isso aqui [Amazônia] crescer e gerar frutos econômicos, renda e emprego de maneira sustentável o tempo inteiro. Quando acabar meu mandato eu pretendo percorrer o mundo inteiro discutindo a Amazônia”, disse Virgílio, que também realizou palestra magna sobre desenvolvimento sustentável.

Em conversa direto com o diretor da ONU na América do Sul, Alain Grimard, o prefeito propôs o reconhecimento do dia 5 de setembro como Dia Internacional da Amazônia. “Para os amazônidas, o dia 5 de setembro de cada ano é o Dia da Amazônia. Seria um sonho se, em algum momento, as Nações Unidas adotassem esse dia como o Dia Internacional da Amazônia, seria um gesto sutil, generoso, e, claro, de solidariedade à floresta em pé e à exploração racional de tantas riquezas que podem beneficiar em muito a humanidade inteira”, defendeu Virgílio.

Deixe uma resposta