Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

PT Amazonas não paga multa e pode ter contas bloqueadas


O Partido dos Trabalhadores (PT) no Amazonas tem o prazo de 15 dias para quitar uma multa no valor de R$ 7,2 mil, em decorrência da desaprovação de contas referentes ao ano de 2012. A determinação é do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), que acolheu pedido da Advocacia Geral da União (AGU). Em caso de descumprimento, a sigla poderá ter o bloqueio de seus contas e aplicações financeiras. 

As contas de 2012 do diretório do PT-AM foram reprovadas pelo TRE-AM em outubro de 2017. Na época, além da multa, foi imposta a suspensão de repasse do Fundo Partidário. No entanto, de acordo com o TRE-AM, o partido “deixou transcorrer o prazo sem pagamento voluntário da obrigação”. 

A AGU, então, apresentou petição solicitando a intimação do devedor e o pagamento da multa no prazo de 15 dias. Em caso de não pagamento, deverá ser cobrado o acréscimo decorrente da multa de 10% sobre o valor do débito, bem como de 10% referente aos honorários advocatícios e o bloqueio de contas e aplicações financeiras. 

A reportagem tentou entrar em contato com o diretório do PT, mas não obteve retorno até a publicação da matéria.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.