Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Presidente do Manaus FC diz que time já fez história e vai com tudo para a Série C


A Arena da Amazonia se tornou um verdadeiro caldeirão neste domingo, 18. O Manaus FC empatou por 2 a 2 com o Brusque no tempo regulamentar e perdeu nos pênaltis por 6 a 5, deixando a taça do Campeonato Brasileiro da Série D de 2019 nas mãos do clube de Santa Catarina.

“O título coroava um trabalho que já é vitorioso. Saímos entristecidos, mas não abatidos. O Manaus FC tem uma história ainda a construir, é um clube muito novo e chegar aonde chegou é motivo de muito reconhecimento pela torcida que, por duas oportunidades, encheu essa arena e já demonstrou que o amazonense gosta de futebol e que esse estádio não é um elefante branco”, disse o presidente de honra do Manaus FC, Luis Mitoso.

Em 2020, o Gavião do Norte será um dos 20 clubes na disputa da Série C do Brasileirão. É um novo patamar para o futebol amazonense, após 20 anos de ostracismo no cenário nacional.

“Agora é trabalhar, pois nós temos um  2020 na Série C, é começar a planejar. Seria muito bom se a gente tivesse coroado com o título de campeão brasileiro, mas isso também não tira o nosso brilho, a nossa luta e o nosso acesso”, concluiu o dirigente.

*Com informações do Portal Emanuelsports 

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.