BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Prefeitura diz que não realizará mais enterro de caixões empilhados


A Prefeitura de Manaus informou que não será mais realizado sepultamento em sistema de camadas no cemitério público Nossa Senhora Aparecida, no bairro Tarumã, zona Oeste. Por determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto, a Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) deve manter o modelo de trincheiras, como já vinha ocorrendo, preservando a identidade dos corpos e o vínculo das famílias. Para oferecer mais dignidade à população, o município, por meio de parceria, também passou a oferecer a opção de cremação.

Caso a família assine a autorização, irá ao posto de atendimento do crematório, localizado no próprio local, para fazer o agendamento. A urna ficará na câmara do cemitério até o momento do deslocamento para o crematório.

Conforme dados da Semulsp, foram registrados 118 óbitos na capital amazonense, durante a segunda-feira, 27/4. Do total de mortes, 31 foram em domicílio e nove famílias optaram pela cremação, sendo realizados 109 sepultamentos. Entre as causas de morte, dez apresentaram confirmação para a Covid-19, 30 foram registradas como causa desconhecida, mal definida ou indeterminada e outras 47 tiveram no atestado síndrome ou insuficiência respiratória, dentre outros fatores.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.