BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Obra de recuperação de trecho da Djalma Batista chega a 80% de conclusão


A Prefeitura de Manaus, por meio de equipes da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), fiscalizou nesta segunda-feira, 29/3, o andamento das obras de recuperação de trecho da avenida Djalma Batista, que seguem em ritmo acelerado desde o dia 18 de março. A obra já atinge aproximadamente 80% de conclusão. O prefeito David Almeida espera finalizar a intervenção ainda esta semana.

Um muro de contenção de aproximadamente 60 metros de extensão foi construído para reter a força das águas pluviais.

A estrutura foi feita com caixas de arame galvanizado e pedras, em um trabalho totalmente manual, devido às dificuldades de acesso para execução da obra. Quase 15 homens trabalham de forma intensiva no local.

“Identificamos que a via estava sustentada apenas pela camada asfáltica. Após a primeira intervenção, percebemos a necessidade de recuperar o outro lado da pista também, pois ela apresentava o mesmo problema. A segurança da população é nossa prioridade, então imediatamente o prefeito David Almeida determinou o início dessa recuperação também no trecho do sentido bairro/centro”, explicou o vice-prefeito e secretário municipal de Infraestrutura, Marcos Rotta.

Quatro equipes do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) trabalham durante 24 horas por dia, para manter o trânsito sob controle e garantir o andamento das obras.  Mesmo com grandes dificuldades para executar os serviços da obra na parte subterrânea da avenida, tal como as variações do clima, o trabalho segue em ritmo acelerado.

Qualidade

O muro de gabião construído na avenida Djalma Batista é uma estrutura de contenção composto por pedras empilhadas em gaiolas de arame cozido, atualmente, essas gaiolas são de arame galvanizado e revestido de PVC, possui características importantes para uma estrutura de contenção e como boa resistência. Também serão executados os serviços de recomposição de todo o aterro do trecho do igarapé do Mindu, nos dois lados da pista, em uma área de aproximadamente 50 metros de extensão.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.