BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

‘Política é a arte da conversa e me sinto bem-intencionado para enfrentar qualquer disputa’, diz Arthur Virgílio sobre as eleições de 2022



Com 43 anos de vida pública, com mandatos no Executivo e no Legislativo, o ex-senador e ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, disse em entrevista exclusiva à Agência Cenarium no Amazonas que não se vê fora do cenário político e que vai conversar com os integrantes do PSDB-AM para sentir a disposição de uma candidatura em 2022. “Ainda quero contribuir com o meu Estado”, destacou.

“É muito difícil eu ficar fora de uma eleição. Ainda não sinto que é a hora nem de eu largar a política e nem dela me largar. Vou entrar na fase da meditação e aí a gente vai enfrentar toda a consequência da atitude que vamos tomar”, continuou Arthur Virgílio, deixando claro que estará envolvido nas próximas eleições. “Sinto-me bem-intencionado para enfrentar qualquer disputa”, confirmou.

Recentemente, Arthur disputou as eleições primárias do seu partido, que indicou o governador de São Paulo, João Doria, como candidato à disputa presidencial em 2022. Ele entende que o PSDB deve esquecer as disputas internas e agregar forças. “Política é a arte da conversa, do entendimento, a arte de buscar as semelhanças entre os atores dessa cena. E se a gente quiser concordar, tem que aprender a ceder sem perder seus princípios”, afirmou, reforçando que a construção da chamada terceira via depende, sobretudo, dessa capacidade de diálogo.

Para Virgílio, seu principal objetivo nas prévias foi alcançado: “falar de Amazônia, da importância da floresta em pé para o clima do planeta e para o desenvolvimento do Brasil. A Amazônia é nossa galinha dos ovos de ouro, se preservada, se utilizada de maneira sustentável”, concluiu.

Redação

Redação

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.

Manaus