BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Pinsher "entrega" onde traficante escondia drogas


Uma situação inusitada ocorreu durante uma busca na casa de um traficante, alvo da Operação “Hot Money”, deflagrada pela Polícia Federal, nesta quinta-feira (20), contra uma rede criminosa que abastecia o tráfico de drogas interestadual na região conhecida como Vale do Araguaia.

Durante as buscas na casa do alvo, um cachorro da raça pinscher, que pertencia ao traficante, começou a cavar buracos em uma parte do quintal na frente dos policiais. Estranhando o comportamento do cão, os agentes prosseguiram cavando o local e desenterraram tabletes de drogas escondidos.

O cão havia ficado sob os cuidados dos agentes que trabalhavam na operação, após a prisão do traficante.

Prisões em flagrante

Durante a operação, três pessoas foram presas em flagrante por pelo porte ilegal de armas e tráfico de drogas. Além disso, uma alta quantia de valores em espécie foi apreendida pelos policiais em vários locais, no cumprimento de busca e apreensão.

Ao todo, foram 28 mandados judiciais expedidos pela Vara Criminal de Aragarças (GO) nas cidades mato-grossenses de Cuiabá, Barra do Garças, Porto Esperidião, Querência, Pontes e Lacerda. As cidades de Aragarças e Jussara, em Goiás, também receberam a visita dos policiais.

O nome dado à operação, ‘Hot Money’, veio do fato de que todos os investigados possuem o tráfico de drogas como meio de subsistência. O dinheiro é “esquentado”, por meio da mercancia de drogas. O dinheiro, então, é a única fonte de renda dos investigados na operação.

Fonte: Portal Em Tempo

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.