Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Petistas querem anular vitória de Sinésio Campos para presidente do partido no AM


O deputado estadual Sinésio Campos (PT) foi eleito presidente do Partido dos Trabalhadores no Amazonas neste domingo (20), porém quatro chapas querem recorrer à direção nacional do partido por não concordarem com a decisão e pretendem invalidar o pleito, sob alegação de que não ocorreu uma eleição democrática.

De acordo com o deputado federal José Ricado (PT) a decisão de anular ou não a eleição caberá a instância superior do partido. 

Sinésio Campos conseguiu a reeleição, sem contar com o número de delegados suficientes para formar o executivo estadual. Conforme regimento interno, 44 pessoas formam o diretório estadual e 14 a executiva.  

O deputado estadual possuía nominalmente 124 delegados, mas nem todos registraram presença. Cerca de 300 delegados do partido no Amazonas participaram do congresso. Ao todo, cinco candidatos inscreveram candidatura à presidência, mas só três nomes permaneceram ao final.

A eleição nacional do partido está marcada para ocorrer no final de novembro, em São Paulo. 

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.