BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

PCC trama executar rivais da FDN e CV em Manaus, segundo gravações


Áudios revelam o plano que integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) tramavam contra rivais em Manaus.  O Cidade Alerta teve acesso, com exclusividade, a seis horas de gravações que detalham o planejamento das execuções. Conforme o conteúdo, Franklin Cavalcante Nóbrega, o Frank, foi nomeado para contratar matadores em Manaus, enviar armas e organizar assassinatos.

Frank foi preso no dia 31 de agosto deste ano — aniversário da fundação do PCC —, em uma ação do Gaeco com apoio de policiais militares do 2º Baep (Batalhão de Ações Especiais), no fundo de uma de suas casas, na Rua José Lopes, no bairro Jardim Nova República, em Cubatão.

Segundo o promotor Hélio Junqueira de Carvalho Neto, Frank "vinha desempenhando à distância importante função na expansão do PCC no estado do Amazonas, tratando diariamente com outros inúmeros integrantes da organização, inclusive sobre ações contra membros de facções rivais".

A denúncia foi apresentada em 25 de setembro deste ano juntamente com os promotores Silvio de Cillo Leite Loubeh e Vinicius Rodrigues França. De acordo com ela, "a atuação criminosa de Franklin ficou muito bem evidenciada pela análise do conteúdo do aparelho celular com ele apreendido quando de sua prisão, visto que praticamente todos os inúmeros contatos mantidos por ele no Whatsapp envolvem questões relacionadas ao PCC".

Com autorização da Justiça, o celular de Frank foi grampeado. Em uma ligação em conferência no em 1º de junho deste ano, ele e outros integrantes do PCC falaram sobre o remanejamento de criminosos da facção na Baixada.

Além disso, em outras ligações, com outros integrantes do PCC, Frank "tratou da expansão do grupo no estado do Amazonas com o cadastro de novos membros, inclusive participando de vários 'batismos'", acusa a Promotoria.

Fonte: Portal Em Tempo

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.