Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Pauderney defende polo de concentrados da ZFM


O deputado federal Pauderney Avelino (Democratas) defendeu a Zona Franca de Manaus (ZFM) de mais um ataque, durante audiência pública realizada, nesta quinta-feira (30), nas Comissões de Finanças e Tributação; e de Fiscalização Financeira e Controle, que discutiram o uso de créditos do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), para concentrados de refrigerantes.

“Não há um setor mais fiscalizado do que este no Amazonas e alterar a regulamentação do IPI dos concentrados significará o esvaziamento imediato de todas empresas instaladas na Zona Franca”, afirmou Pauderney.

A audiência foi solicitada pelo deputado Alfredo Kaefer (PSL-PR), que afirma que as grandes corporações do setor de refrigerantes aproveitam o crédito de IPI sobre as matérias-primas adquiridas com isenção, trata-se de uma “estratégia” de produção e comercialização do insumo concentrado proveniente da Zona Franca.

“Ao produzirem o concentrado na ZFM e, posteriormente, repassarem o insumo para as engarrafadoras situadas por todo o território nacional, as grandes corporações minimizam os impactos da carga tributária”, afirma Kaefer.

Para Pauderney, é preciso implementar uma política de desenvolvimento regional a fim de que o país se torne equânime. “Se nós temos uma política fiscal e tributária que não é a política que nós desejamos, nós também não temos uma política de desenvolvimento regional que precisamos”, afirmou Pauderney. 

“Não podemos defender o que é ilegal, vou continuar defendendo a minha região e o modelo e buscar sempre o equilíbrio para que não causemos injustiça”, concluiu Pauderney.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.