BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Novo espaço de acolhimento para crianças e adolescentes em medidas protetivas é inaugurado


O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, e a primeira-dama e presidente do Fundo Manaus Solidária, Elisabeth Valeiko Ribeiro, inauguraram nesta terça-feira, 8/9, o novo espaço do Serviço de Acolhimento Institucional para Crianças e Adolescentes sob medida protetiva (Saica), que é coordenado pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc). O local oferece acolhimento para crianças e adolescentes de 0 a 18 anos incompletos, vítimas de direitos violados, como maus-tratos, negligência, abandono, violência física, psicológica e sexual.

“Fico muito tocado com a inauguração desse espaço, que tem toda uma infraestrutura para dar melhor qualidade de vida a essas crianças. Não há nada mais ultrajante do que alguém que maltrata crianças e idosos. Temos que construir uma mentalidade para criar amor pelos outros. Esse espaço pode ser uma gota d’água num oceano, para mudar o mundo, mas que aqui funcione bem, que funcione com amor”, disse emocionado Arthur Neto.

O novo espaço conta com aproximadamente 4.500 metros quadrados, dez dormitórios (feminino e masculino) quartos, sala, cozinha, banheiros, campo de futebol, piscina, playground, com área ampla e adequada ao atendimento e superação da violação de direitos sofrida por essas crianças e adolescentes, realizando orientação, encaminhamentos, escuta qualificada e atendimento especializado.

Nele, crianças e adolescentes retirados da exposição do perigo ou com vínculos familiares rompidos terão ambiente humanizado, estando a salvo de novas práticas de qualquer violação de direitos ou violência.

Canais de denúncia

Em caso de violação de direitos de crianças e adolescentes, a rede de proteção possui três canais de comunicação para quem sofrer ou conhecer qualquer situação que esteja sendo praticada: Disque Direitos Humanos (0800 092 6644), Disque Denúncia (0800 092 1407) e Disque Direitos Humanos Nacional (100).

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.