BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Michelle Bolsonaro realiza troca de silicone pela segunda vez


A Primeira-Dama, Michelle Bolsonaro, foi internada e passou por procedimentos cirúrgicos estéticos. As informações são da FolhaPress.

De acordo com o cirurgião Régis Ramos, responsável pelo caso, a primeira-dama trocou próteses de silicone e corrigiu um afastamento do músculo do abdômen, algo comum em mulheres que passaram por gestações.

"A cirurgia demorou por volta de quatro horas e meia, mas graças a Deus tivemos bastante sucesso", declarou o médico na noite da última quinta-feira (2). Ele explicou as cirurgias a jornalistas no saguão do hospital, ao lado do presidente. Segundo ele, a previsão é que Michelle tenha alta no sábado (4).

Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada pouco antes das 20 horas de ontem, após gravar sua tradicional live pelas redes sociais. Ao final da transmissão, ele disse que visitaria a primeira-dama no hospital.

Sobre a troca das próteses de silicone, o cirurgião Ramos disse que a antiguidade do implante anterior, que tinha entre 10 e 12 anos, gerava desconforto na primeira-dama. Esse foi, segundo o médico, o motivo da substituição.

"A cápsula, quando começa a engrossar um pouquinho, causa um pouco de dor na mama. Então a gente retira e coloca um implante novo. O implante dela já tinha mais ou menos uns 10, 12 anos. Então é necessário a retirada do implante e colocar um novo", afirmou o médico.

Já sobre o outro procedimento, Ramos afirmou que, além do afastamento do músculo, a operação foi realizada também para corrigir uma hérnia umbilical.

"É uma cirurgia realizada pelo cirurgião plástico. Corrige juntamente a diástase e a hérnia umbilical", complementou.

O Palácio do Planalto vinha mantendo sigilo sobre quais os procedimentos estéticos que Michelle realizaria.

O próprio Bolsonaro disse, no final de dezembro, que a primeira-dama passaria por uma cirurgia. Na ocasião, na entrada do Palácio da Alvorada, Bolsonaro afirmou que o procedimento era "coisa besteira". Questionada na mesma ocasião sobre o tema, Michelle disse por sua vez não ser nada grave.

Em razão da cirurgia estética, a primeira-dama não acompanhou Bolsonaro para a base naval de Aratu, a 42 km do centro de Salvador (BA), onde estava previsto que o presidente passaria o recesso de Ano-Novo.

O mandatário chegou a viajar para a Bahia, mas mudou de planos na última hora e retornou a Brasília para passar a virada com a esposa.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.