Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

O presidente Michel Temer colocou hoje (18) os órgãos do governo federal à disposição das autoridades estaduais do Amazonas apoio para apoiar no combate a um incêndio que atingiu uma comunidade carente, na zona sul de Manaus. As chamas atingiram cerca de 600 casas, desde a noite de ontem (17).

Temer se manifestou em sua conta pessoal no Twitter. “Minha solidariedade às famílias vítimas do incêndio em Manaus. Falei com o prefeito [de Manaus] Arthur Virgílio [PSDB] e coloquei o governo federal à disposição.”

O incêndio atingiu residências no bairro Educandos na comunidade denominada favela do Bodozal, no bairro Educandos, na capital amazonense.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, o fogo foi controlado. O subcomandante do Corpo de Bombeiros do Amazonas, Coronel Josemar Santos, disse que por volta da 1h desta terça-feira foi possível controlar o fogo.

“Conseguimos conter o incêndio. Estamos na fase de rescaldo, para tentar evitar a reingnição. A operação durou em torno de três horas”, disse o subcomandante dos Bombeiros Militares do Amazonas.

Incêndio

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, há indícios de que a ocorrência tenha começado após a explosão de uma panela de pressão em uma das residências. O vento estava muito forte e ajudou o fogo a se alastrar pelas casas de madeira.

De acordo com os bombeiros, foram mobilizados 100 bombeiros e 14 caminhões. Segundo eles, mais de 100 mil litros d’água foram usados para combater o fogo.

Pelo menos quatro pessoas precisaram de atendimento hospitalar. O secretário executivo da Defesa Civil do estado do Amazonas, Hermógenes Rabelo, afirmou que este pode ter sido o maior incêndio urbano já ocorrido na capital.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.