BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Maratonista aquática Patrícia Farias chega a Manaus para o Amazon Challenge



Prestes a completar 40 anos, a atleta irá se desafiar na travessia de 40 km em pleno rio Negro

A ultramaratonista aquática Patrícia Farias desembarca em Manaus esta semana para superar mais um desafio. Prestes a completar 40 anos no próximo dia 10 de outubro, a atleta que foi a primeira mulher a realizar a Travessia do Leme ao Pontal, agora vai participar do Amazon Challenge. A maratona aquática em pleno rio Negro está prevista para acontecer entre o dia 8 ao dia 10 de outubro, conforme as condições climáticas, e envolve duas modalidades de travessia: de 18k ( da praia do Tupé à Ponta Negra) e de 30k (da praia do Açutuba à Ponta Negra). A realização é da Associação Aquática Amazonas e tem o apoio da TV Encontro das Águas na divulgação.

“Vou me desafiar nessa prova de 30k e ainda vou fazer mais um pouquinho, ao todo farei 40 km, em comemoração ao meu aniversário de 40 anos. Para comemorar, a gente também vai ajudar também uma instituição filantrópica local, o Abrigo Nacer. Conto com a  colaboração de todos”, afirmou a atleta em suas redes sociais.

De acordo com o presidente da Associação Aquática Amazonas, Pierre Gadelha, a prova acontece desde 2019 e até agora dez nadadores completaram o desafio dos 30k. “É uma prova voltada para atletas experientes e ativos, por isso para se inscrever fazemos uma análise do currículo do atleta. Entre os maiores desafios dessa prova está a temperatura da água, que em alguns trechos chega a 31 graus. Há apenas quatro provas similares a essa no Brasil, entre elas a travessia do Leme ao Pontal, que Patrícia foi a primeira mulher a completar. Faremos todo o suporte dela nesse percurso, e ao final ela receberá o troféu e o certificado de participação”, afirmou Pierre.

A atleta

Patrícia Farias de França iniciou na natação aos três anos de idade para o tratamento da asma. Foi atleta federada em piscinas até os 16 anos. A partir de 2011 começou a nadar em águas abertas. Alguns anos depois, decidiu desafiar seus limites e entrou na rota das grandes travessias naturais.

Redação

Redação

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.

Manaus