BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Luiz Castro repudia escola que apoia Bolsonaro


O deputado Luiz Castro (Rede) repudiou hoje 09/08, a doutrinação política e ideológica dentro do colégio Waldocke Lira, administrado pela Polícia Militar, onde um oficial procura incutir na cabeça dos alunos a figura do deputado federal Jair Bolsonaro como “salvação da nação”, conforme vídeo divulgado na Internet.   

Da tribuna da Assembleia Legislativa, Luiz Castro disse que essa prática é ilegal, se aproxima do fascismo e tem que ser combatida. “A escola tem que proporcionar aos alunos uma formação cidadã, e não direcionada a um político como salvador da Pátria”, criticou Luiz Castro.    

No vídeo divulgado nas redes sociais, os alunos organizados em fileiras, orientados pelo oficial convidam aos gritos, o deputado Bolsonaro para a formatura no colégio, repetindo frases que colocam o político  como a salvação da nação. 

Essa atitude, segundo Luiz Castro, se aproxima do fascismo a exemplo da prática de lavagem cerebral usada nas escolas da Alemanha nazista. “A educação no Brasil tem que ser laica e cidadã, sem o uso de doutrinamento político ilegal”, afirmou.

Para o deputado, a política deve ser debatida na escola, mas sem o doutrinamento, ou o direcionamento de ideias em defesa de um determinado político. “Não queremos para os nossos alunos, nem o fascismo de esquerda como ocorre na Venezuela, nem o fascismo de direita, da Itália de Mussolini”, declarou Castro.  

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.