BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Detentos são mortos dentro de delegacia em Novo Aripuanã


Dois detentos custodiados na 73ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) em Novo Aripuanã (a 228 quilômetros de Manaus) foram encontrados mortos a tiros e a facadas dentro da unidade, na manhã desta quarta-feira, 17/3. De acordo com a Polícia Militar (PM), além de terem assassinado os dois homens, os suspeitos, ainda não identificados, furtaram três espingardas calibre 12 que estavam guardadas no acervo da Polícia Civil (PC). No momento da invasão, segundo a PM, não havia policiamento na unidade. Essa foi a terceira invasão registrada no DIP nos últimos três meses.

O horário da invasão não foi informado, mas de acordo com a PM, quando o porteiro do DIP contratado pela prefeitura do município, chegou para abrir a unidade, por volta das 8h, viu os corpos dos dois homens jogados na entrada da unidade. Um deles foi identificado como Silas da Costa Santana, 31 anos, preso por suspeita de estupro e o outro como Izaias Farias Nunes, 24 anos, custodiado por latrocínio.

Conforme a PM, os dois homens foram mortos a tiros e a golpes de faca. Policiais do 2º Pelotão da Polícia Militar que estavam de folga foram enviados ao DIP até a chegada da Polícia Civil. Durante buscas, foi identificado que além do duplo homicídio, os suspeitos arrombaram as salas e roubaram três  espingardas que estavam guardadas no acervo da PC.

De acordo com a PC, nenhum suspeito pelo crime foi identificado. De acordo com a PM, foi solicitado apoio para fazer o policiamento no DIP.

Reincidência

Essa foi a terceira invasão ao DIP com morte de presos desde dezembro do ano passado. A última invasão foi registrada no dia 2 de fevereiro, quando um grupo de seis homens invadiu a unidade e matou com um tiro de escopeta Rivair Ferreira Alves, o 'Gavião', que estava custodiado na unidade desde o último dia 28 de janeiro por suspeita de ter assassinado o filho de um comerciante da cidade. De acordo com a Polícia Militar (PM), na ocasião, dois presos conseguiram escapar.

Já no dia 16 de dezembro, cinco homens, também encapuzados, invadiram a unidade e retiraram um preso e o mataram logo em seguida, próximo a delegacia. O crime, de acordo com investigações, foi praticado em retaliação a morte de um comerciante da cidade.

Fonte: Portal Toda Hora

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.