Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Grupo armado invade residência e executa homem a tiros no Lago Azul


Alvair Natalício Nunes Cavalheiro, 48, morreu na madrugada desta segunda-feira, 8, no Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Galileia, após ser atingido com quatro tiros, horas antes, na Comunidade Paraíso Verde, no Lago Azul, na zona norte de Manaus. Segundo consta no relatório do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) o crime ocorreu, após a casa onde ele morava ter sido invadida por um grupo de homens, que fugiu sem ser identificado. A motivação ainda é investigada.

À polícia, segundo o Ciops, a esposa de Alvair, que não teve o nome divulgado, informou que o casal estava dormindo, quando, por volta de 1h, a casa onde moravam, na Avenida Monteiro, um grupo de homens arrombou o imóvel e começou a atirar.

Alvair, segundo a polícia, foi atingido com tiros na cabeça, pescoço e braço. Ele ainda foi socorrido, mas já chegou a unidade de saúde morto. Os suspeitos, após os disparos, segundo a polícia, fugiram. As informações são do Portal Toda Hora.

Policiais da 26a Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram ao local, mas não conseguiram localizar nenhum dos suspeitos. O crime vai ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Em consulta ao site do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) o homem não respondia a nenhum processo criminal.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas.