BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Governo do Amazonas informa que ampliou em 207% as UTIs para pacientes com Covid-19 desde o início da pandemia


Desde o início da pandemia da Covid-19, em março de 2020, o Governo do Amazonas ampliou o número de leitos em 207%, saindo de 50 leitos de UTI exclusivos para pacientes de Covid-19 para os atuais 207, triplicando a oferta de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).  Em números totais, incluindo leitos de UTI e clínicos, o aumento foi de 43%, saindo de 582 leitos para 832, conforme dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), atualizados nesta segunda-feira (28/12).

A crescente demanda por leitos, em razão da alta circulação de pessoas e disseminação do vírus, além do Sistema Único de Saúde (SUS), está impactando também a rede particular. Por isso a necessidade da colaboração da sociedade para não participar de aglomerações e manter o uso de máscaras, cobrindo boca e nariz.

Apenas no Hospital Delphina Aziz, o aumento foi de 183%, uma vez que antes da pandemia a unidade contava com 50 leitos de UTI e, nos próximos dias, totalizará 150 leitos exclusivos para pacientes Covid.

Apenas no Hospital Delphina Aziz, o aumento foi de 183%

De acordo com o secretário da SES-AM, Marcellus Campêlo, o aumento de 207% comprova os esforços do Governo do Amazonas em oferecer assistência para a população, inclusive antecipando mais uma fase do Plano de Contingência Estadual para o Recrudescimento da Covid-19.

O titular da pasta ressalta, porém, que o compromisso de enfrentamento da Covid-19 deve ser de toda sociedade. “E a gente pede à população que colabore nesse momento em que nós vamos ter uma diminuição das atividades, que a população possa se recolher,  evitar as aglomerações, trabalhar mais ainda os protocolos de higienização das mãos e ajudar a toda a sociedade no combate à Covid, principalmente na utilização de máscaras”, ressaltou o secretário.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.