BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Wilson entrega indenizações a moradores do Igarapé do Quarenta


Benefícios são parte do Prosamim e somam, nesta fase, R$ 3,3 milhões

O governador Wilson Lima participou, na manhã desta sexta-feira (09/10), do pagamento de indenizações e bônus-moradia para 88 beneficiários cadastrados no Programa Social e Ambiental  dos Igarapés de Manaus (Prosamim). Para esta ação, o Governo do Amazonas disponibilizou, por meio da Superintendência Estadual de Habitação (Suhab), o valor de R$ 3,3 milhões em recursos financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Os beneficiários são da área de intervenção do Prosamim no Igarapé do Quarenta, no trecho entre a avenida Costa e Silva (Silves) e rua Maués, bairro da Cachoeirinha, zona sul de Manaus. A entrega dos benefícios foi feita no Centro de Convivência do Idoso, no bairro Aparecida.

“Esse é um trabalho que estamos fazendo desde o início do Governo, de reconhecimento às pessoas que por tanto tempo estão lutando por uma moradia e também estão vivendo em condições insalubres. Nós estamos retirando essas pessoas dessa área e estamos pagando esse bônus. Aqui nós estamos tocando obras de saneamento que vão ser importantes para revitalização dessa área. Nós temos uma preocupação de preservar a questão ambiental, de dar um destino correto para o esgoto, de fazer o saneamento, mas nós não podemos deixar as famílias desamparadas”, afirmou o governador Wilson Lima.

Do total de 88 famílias beneficiadas, 30 receberam indenizações (valores que variam de acordo com o valor da benfeitoria do imóvel);  36 foram contempladas com bônus-moradia no valor de R$ 50 mil  (solução aplicada para aquisição de casa regularizada no mercado imobiliário);  12 receberam auxílio-moradia no valor de R$ 6 mil (aplicada a inquilinos e cedidos atendidos pelo programa); e 10 receberam uma compensação financeira na modalidade Fundos de Comércio, para quem vivia de atividade comercial no local.

Entre as famílias contempladas, está a da professora Meire Rubia Barbosa, moradora do local há dois anos. “Era um lugar bem precário, com igarapé. Inclusive chegou a até alagar a minha casa uma vez, era bem precária mesmo a situação. Era horrível conviver com aquilo, as crianças brincando ali pelo igarapé, por perto daqueles entulhos, igarapé a céu aberto, então era bem complicado mesmo, mas graças a Deus a gente foi abençoada. Eu estou muito feliz. Agora graças a Deus a gente vai poder realizar o sonho da casa própria e poder viver dignamente”, comemora.

De acordo com o presidente da Suhab, João Braga, esta etapa de indenizações possibilita que as famílias tenham soluções de moradia e que o Estado dê continuidade às obras do Prosamim no Igarapé do Quarenta.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.