BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

FVS-AM descarta surto da Covid-19 em escola da Seduc


A Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM) descartou, nesta quarta-feira (26), que esteja ocorrendo um surto de Covid-19 na Escola Estadual José Bernardino Lindoso, localizada no bairro Novo Aleixo, zona leste de Manaus, como divulgado em alguns sites. Os profissionais dessa unidade de ensino já passaram pela testagem oferecida pelo Governo do Amazonas no Centro de Convenções de Manaus (Sambódromo).

Ao todo, 72 profissionais da escola José Bernardino Lindoso fizeram testes rápidos. Desses, 22 testaram positivo (30%), sendo 13 com IgG confirmados, indicando que são pessoas que já tiveram contato com o vírus em meses anteriores e podem ser consideradas fora do período de transmissão. Nove testes apresentaram IgM positivo, que demonstra anticorpos de infecção recente.

Os resultados da testagem na escola seguem a média verificada no trabalho de investigação feito pela FVS-AM e, portanto, considerados dentro do esperado.

Balanço parcial – Até o último dia 24 de agosto, a FVS-AM já realizou testes em 1.064 profissionais de educação de Manaus, no posto instalado no Sambódromo. Desse total, 722 testaram negativo para Covid-19, o equivalente a 68% do total.

Entre os 342 que testaram positivo, 238 (70%) apresentaram IgG positivo, considerados fora do período de transmissão. Outros 104 profissionais testaram IgM positivo e foram encaminhados para o atendimento médico.

Nos dois casos, o trabalho de vigilância da FVS-AM recomenda o isolamento pelo período de 14 dias para que toda a comunidade escolar se sinta segura dentro das escolas. Os profissionais que compõem grupos de risco também permanecem em casa.

“A pessoa que tem o IgG é provável que ela tenha tido contato com o vírus em outro período, nos meses anteriores provavelmente. O anticorpo IgM é mais jovem, de contato mais recente”, destacou a enfermeira Evelin Campelo, do Centro Estratégico de Vigilância em Saúde da FVS-AM.

Também conforme o protocolo de segurança estabelecido para o retorno das aulas presenciais do Ensino Médio na rede estadual, desenvolvido pela FVS-AM e pela Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc), as escolas passam por sanitização antes de serem novamente ocupadas pela comunidade escolar.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.