BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Ex-policial é morto a tiros em área vermelha da Compensa


O ex-cabo das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) Júlio Torres Taumaturgo, de 39 anos, foi executado com, pelo menos, três tiros na cabeça na manhã desta quarta-feira (18). A vítima foi atacada por um pistoleiro na travessa Ponce de Leon, bairro Compensa 2, Zona Oeste de Manaus.

Testemunhas informaram à 8ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) que, por volta das 10h, Júlio caminhava pela via pública quando foi surpreendido pelo atirador que, antes de efetuar os tiros, ainda chamou pelo nome dele. Após consumar o crime, o suspeito fugiu, sem ser identificado. Os moradores da região relataram, ainda, que ouviram cerca de cinco tiros, mas o ex-policial teria sido ferido com apenas três tiros na cabeça, segundo a 8ª Cicom.

Taumaturgo chegou a ser socorrido e levado em uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital João Lúcio, mas morreu na unidade de saúde.

O corpo do ex-cabo da Rocam foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). Ele era morador da Vila Marinho, localizada na terceira etapa do bairro da Compensa. Até a publicação desta matéria não havia informações sobre a motivação do crime.

O caso deve ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Expulso

Consta no site do Tribunal de Justiça do Amazonas (Tjam) processos de crimes de roubo e extorsão em nome da vítima. Segundo fontes, Taumaturgo foi expulso da Rocam, em 2010, após participar de um roubo e sequestro em uma agência bancária, no bairro do Alvorada, Zona Centro-Oeste da capital.

Fonte: Portal Em Tempo

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas.