BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Ex-governador José Melo aparece de surpresa em solenidade do TCE-AM


Pela primeira vez o ex-governador José Melo apareceu em uma solenidade pública depois de ser cassado e preso por denúncias na Operação Maus Caminhos, que investigou desvio de verbas da Saúde do Amazonas. Ele esteve presente na posse do novo presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), Mário Mello, na manhã desta segunda-feira, 16/12, no Teatro Amazonas. As informações são do portal Toda Hora.

De forma discreta, sentou sozinho a lado do ex-secretário da Região Metropolitana, René Levy Aguiar. Logo atrás estava Orlando Amaral, que foi delegado geral da Polícia Civil em 2015, quando Melo foi governador do Estado; e Robério Braga, que foi secretário de Cultura. À frente aparece o ex-desembargador Arnaldo Carpinteiro Péres.

De acordo com o advogado do ex-governador, José Carlos Cavalcanti, apesar de não ter nenhuma restrição de locomoção em Manaus, Melo é monitorado por tornozeleira eletrônica.

Veja o vídeo:

O ex-governador José Melo participou da solenidade de posse do novo presidente do TCE/Am, Mário Mello. Esta foi a primeira aparição pública de José Melo desde que ele saiu do presídio, onde ficou em virtude das investigações da Operação Maus Caminhos.

Posted by Blog do Mário Adolfo on Monday, December 16, 2019

“O senhor José Melo não está preso. Sequer em regime domiciliar.
Ele foi libertado mediante pagamento de fiança e mais outras medidas cautelares, entre elas o monitoramento eletrônico. Ele tem liberdade para ir onde quiser dentro de Manaus e foi autorizado a ir para o sítio da família de sua esposa em Rio Preto, local onde exerce atividade agrícola privada”, informou o advogado.

Durante discurso, Mário Mello se referiu a José Melo como “meu querido professor”.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.