Calendário

fevereiro 2019
D S T Q Q S S
« jan    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728  

Estreias da semana – Por Cine Set

Numa semana de estreias meio sem sal nos cinemas, Manaus ficou a ver navios de novo, não recebendo o indicado ao Oscar Vice.O drama com Christian Bale é lançamento da semana em várias cidades brasileiras, mas nós manauaras teremos de esperar um pouco mais para vê-lo na telona. Enquanto Vicenão chega, resta nos contentarmos com a safra da semana, mas ela contém ao menos um filme que parece ser muito interessante e deve ser conferido.

No circuitão, chegam às salas um terror, uma aventura juvenil e o novo filme estrelado por Jennifer Lopez. O terror vem da Rússia e se intitula A Sereia: Lago dos Mortos,dirigido por Svyatoslav Podgayevskiy, o mesmo diretor do pavoroso – no mau sentido – A Noiva(2017). Só as lembranças de A Noivadevem ser suficientes para afugentar os espectadores, mas se você tiver coragem de encarar, toda sorte do mundo para você. Já a aventura juvenil O Menino que Queria Ser Reimostra um garoto londrino descobrindo ter relação com o mítico Rei Arthur. Junto com seus amigos, ele se envolve numa aventura com magia e muitos efeitos visuais. No elenco, além dos jovens atores, nomes de peso como Rebecca Ferguson e Patrick Stewart devem fazer a diferença. Para quem curte Harry Pottere filmes do gênero fantasia, essa opção pode agradar.

E na terceira estreia do circuito comercial, Jennifer Lopez retorna ao cinema em Uma Nova Chance,onde ela interpreta uma mulher que se reinventa e vai de caixa de supermercado a executiva com a ajuda de algumas inovações e das redes sociais. Mas J-Lo perde para a verdadeira estrela da semana, que vem do cinema de arte: O Cine Casarão exibe Meu Anjo,drama francês estrelado pela sempre maravilhosa Marion Cotiilard no papel de uma mãe relapsa que abandona a filha e precisa consertar a situação com ela. O filme foi exibido no último Festival de Cannes e é dirigido por Vanessa Filho.

É curioso o momento dos lançamentos cinematográficos em Manaus: Um indicado ao Oscar custa a chegar, mas um filme de Cannes está ao nosso alcance, então nem dá para reclamar (muito)…

Deixe uma resposta