BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Equipamento da Cigás chega ao Campo de Azulão para atender ao projeto Jaguatirica II


A estação de medição da Companhia de Gás do Amazonas (Cigás) já está no Campo de Azulão, em Silves (a 204 quilômetros a leste de Manaus) para atendimento ao Projeto Jaguatirica II. Com quase 10 toneladas, medindo 20 metros de comprimento, a estrutura tem capacidade para volumes de mais de 1 milhão de metros cúbicos de gás natural por dia. Essa estrutura tem componentes de tecnologia de ponta e conduzirá o combustível fóssil da unidade de tratamento até a unidade de liquefação do gás.

Inédita na região, a operação é fruto da política do Governo do Estado para fomentar a produção do gás natural no Amazonas e tem a concessionária Cigás como um dos atores para a viabilização deste projeto, por meio do qual o gás produzido no Campo de Azulão será liquefeito e, em seguida, transportado em carretas até Boa Vista, em Roraima, onde abastecerá a Usina Termoelétrica Jaguatirica II. O combustível também será usado para autogeração de energia elétrica no campo de Azulão.

O gás natural atualmente já responde por cerca de 60% da energia elétrica consumida em Manaus.

O diretor-presidente da Cigás, René Levy Aguiar, destaca o avanço de mais um processo que demonstra a abertura do Amazonas para novos atores na exploração do gás natural. “Temos a maior reserva provada do Brasil em terra, e o projeto em Silves é um exemplo em que a Cigás teve participação ativa para viabilizar um aumento na arrecadação do Estado, gerando empregos e oportunizando investimentos”, comentou.

O início do comissionamento e dos testes está previsto para janeiro de 2021 e compõe o rol de investimentos da Cigás que, somente em 2020, deverá superar a cifra de R$ 26 milhões. Este aporte irá se somar aos mais de R$ 544,5 milhões já investidos pela Companhia, até 2019, para fomentar a distribuição do gás natural no Amazonas.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.