Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

“Estão tentando esconder o ‘Então Morra!'”


A coligação do candidato Eduardo Braga (PMDB) distribuiu release de campanha afirmando que a coordenação do candidato Amazonino Mendes bauxou o nível e inseriu uma propaganda mentirosa e tendenciosa no horário eleitoral gratuito.

No comercial, o vice Bosco Saraiva afirma que uma das inserções da coligação ‘União pelo Amazonas’, de Braga, foi suspensa pela Justiça Eleitoral.

“Na verdade o juiz eleitoral determinou apenas a retirada do episódio onde Amazonino Mendes, então prefeito de Manaus, discute com Laudenice Cantalista de Paiva, dona de casa paraense moradora da Comunidade Santa Marta, na Zona Norte, ordenando que ela e sua família deixem o local, ou ‘Então morra! Morra!'”, afirma o release.

“O referido episódio é uma mancha negativa na biografia de Amazonino Mendes e a coordenação da campanha do candidato tenta, na Justiça, apagar o fato do noticiário eleitoral deste pleito”, completa.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.