Calendário

março 2019
D S T Q Q S S
« fev    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Enfim, o cachimbo da paz!

Aquele período em que estado e prefeitura viviam entre tapas e beijos, agora é página virada. Na manhã de sexta-feira (11), o prefeito de Manaus Arthur Virgílio Neto (PSSB) e o governador Wilson Lima (PSC) “fumaram o cachimbo da paz” e se reuniram para discutir parcerias que resolvam problemas e prioridades em comum, tanto para o Governo, quanto para a prefeitura de Manaus, mas tendo como alvo o bem estar dos habitantes da cidade.

— Tenho certeza que esse encontro vai render bons frutos na área de transporte coletivo, infraestrutura, educação, saúde e outros setores –, disse Wilson Lima.

Disposto

O governador afirmou que sua equipe estará sempre disposta ao diálogo.

 — Meu secretariado está à disposição, não só do prefeito de Manaus, como de todos os prefeitos do Amazonas.

Bandeira branca

Wilson ainda disse que não se constrói nada com brigas.

— Ninguém constrói nada se ficar naquela briga, no puxa-encolhe. Todo mundo perde. Perde o Estado, perdem as prefeituras e perde, principalmente, o cidadão.

Sarafa no páreo

O deputado Serafim Corrêa (PSB) confirmou ser candidato à presidência da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam). A informação foi divulgada através de suas redes sociais na última sexta-feira (11).

— Sou candidato à presidência da Casa. O diálogo entre os poderes e a transparência nas ações serão minhas bandeiras. Vamos em frente!

Perplexo

O deputado Belarmino Lins (PP) viu, mas não digeriu, a declaração de voto que a deputada Mayara Pinheiro, de seu partido, à chapa de Josué Neto (PSD) para a presidência da Aleam, publicado ontem em DITO & FEITO.

Transparência uma ova!

Belão confessa ter ficado perplexo ao assistir Mayara falar em “transparência” no vídeo em que manifesta sua opção eleitoral.

— Primeiro  ela tem que dar exemplo, como gestora que é, e explicar o volume de recursos gastos na sua milionária campanha política.

Que receita é essa?

Belarmino estava com a macaca. Em determinado momento do desabafo, intensificou os disparos contra a filhota do Adail:

— Eu não compreendo que receita de “transparência” é essa! –, disparou Belão.

Sem W.O.

Quanto a sua campanha junto aos deputados, Belão informa que prosseguirá dentro da mais absoluta normalidade.

—A nossa candidatura continuará posta ao julgamento do colégio eleitoral no  curso do tempo regulamentar da partida. Repito aos meus adversários que não haverá  W.O.

Vida de volta

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), deu a ordem de liberação para o pagamento do auxílio aluguel para 546 famílias vítimas do bairro do Educandos.

— Como estivemos no incêndio, logo que começou, vamos dar continuidade a esse trabalho até que essas pessoas tenham suas vidas completamente regularizadas.

Voltando pra casa

O tucano ainda disse que a documentação das pessoas estão sendo apressadas, para que possam ter direito ao aluguel.

— Muitas dessas pessoas não têm CPF e nós estamos apressando os documentos para que elas também possam ter direito a esse aluguel social.

Compra de votos

Incomodado por seu clube não ter sido contemplado com ao menos uma emenda parlamentar impositiva – como vão receber o Penarol, de Itacoatiara, Princesa, de Manacapuru e Nacional de Manaus –, um dirigente do Manaus FC andou dizendo aos quatro ventos que essa ajuda aos clubes é “compra de voto”.

Clube do coração

O gancho de esquerda foi direto no fígado dos  deputados Cabo Maciel e David Almeida (PSB).

É que eles são  dois dos parlamentares da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) que, na busca por ajudar o futebol amazonense, destinaram recursos das emendas parlamentares impositivas ao Orçamento do Estado.

Torcida organizada

Por outro lado, os presidentes dos clubes que procuraram os deputados e por isso foram contemplados com as emendas, agora torcem para que o governador Wilson Lima consiga liberar os recursos antes do início do Campeonato Amazonense 2019.

Procura-se bandido…

O governador Camilo Santana (PT) anunciou, na tarde desta sexta-feira (11), Projeto de Lei da recompensa para quem der informações sobre os criminosos que estão tocando terror no Ceará.

… Paga-se bem!

O pagamento das recompensa pelas informações prestadas pela população à polícia e que resultem na prevenção de atos criminosos será feito em espécie. Mas o governador não especificou o valor.

Agora

—  Não aceitamos que, aqui no Ceará, criminosos presos continuem dando ordem de comando de dentro das prisões, como acontece há décadas em todo o Brasil –, disse o gestor.

Olho no combustível

Fiscais do Governo do Amazonas, através do Programa Estadual de Proteção e Orientação do Consumidor (Procon-AM), visitaram 59 postos em Manaus, nesta sexta-feira (11/01). E detectaram o valor de R$ 3,39 como o menor praticado para a venda de gasolina comum e R$ 3,89 como o mais elevado no mesmo produto.

Gasolina e etanol

A gasolina aditivada mais barata está à venda no Posto União, localizado no bairro Crespo, zona Sul, ao preço de R$ 3,39. O etanol com menor valor é encontrado no Posto Nossa Senhora de Aparecida, no bairro Aleixo, zona centro-sul, por R$ 3,29.

Diesel

O diesel comum é vendido em vários postos por R$ 3,43 e a versão S-10 a R$ 3,48 no Posto Rosa Santa, no bairro cachoeirinha, zona sul.

Passarela de protesto

Um vídeo gravado 15h de terça-feira (8), em uma rua no centro da cidade de São Bento do Sul, em Santa Catarina, mostra um vereador que ficou indignado com um carro para na faixa de pedestres e decidiu passar por cima do veículo.

Mirem-se no exemplo

O vereador Daguimar Nogueira (PSB) afirma que havia saído de uma reunião e se deslocava até outro compromisso quando chegou na faixa de pedestres e viu o carro parado sobre a sinalização.

— Estava tudo parado por causa da sinaleira e tinha várias pessoas esperando para atravessar. No instinto, simplesmente passei por cima do carro, também como uma forma de protesto – disse o vereador.

Bombou na rede

As câmeras de segurança da Polícia Militar flagraram o episódio e as imagens foram compartilhadas nas redes sociais.

EM ALTA

US 1 bilhão, quase R$ 4 bilhões. É o valor que Hansjörg Wyss, um filantropo suíço, vai doar para conservar a terra e os oceanos . Wyss escreveu em um artigo no New York Times anunciando que sua fundação doará o dinheiro nos próximos 10 anos para projetos de conservação liderados por povos indígenas, líderes locais e grupos conservacionistas. Ele quer ajudar a conservar 30% do planeta até 2030.

EM BAIXA

Há uma semana, atentados orquestrados por facções criminosas que pretendem evitar a transferência de seus líderes para presídios federais levaram o pânico para a capital e outras 46 cidades cearenses. São ataques cada vez mais ousados —os criminosos já explodiram, até agora, dois viadutos e uma ponte. E não cessaram nem com a chegada de 400 homens da Força Nacional de Segurança. Uma vergonha!

Deixe uma resposta