BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Elon Musk chega nesta sexta-feira ao Brasil para tratar de Amazônia com Bolsonaro


Elon Musk, o homem mais rico do mundo, tem chegada no Brasil prevista para a manhã deesta sexta-feira. Na hora do almoço, ele deve se encontrar com o presidente Jair Bolsonaro (PL) em um hotel no interior de São Paulo. As informações foram publicadas pelo colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo.

“Tenho encontro amanhã com uma pessoa muito importante que é reconhecida no mundo todo e vem para cá oferecer ajuda à nossa Amazônia”, disse Bolsonaro em live nesta quinta-feira à noite. Na transmissão ao vivo, o presidente não havia revelado nomes.

O encontro foi sido organizado pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria, e está previsto para ocorrer no hotel Fasano Boa Vista. Outros ministros e empresários foram convidados para o almoço.

A reunião era mantida em sigilo pelo Palácio do Planalto. Em abril, o bilionário demonstrou interesse em trazer a SpaceX para o Brasil. A SpaceX fabrica sistemas aeroespaciais, transporte espacial e comunicações. Dentro da empresa, há o projeto Starlink para desenvolver satélites de baixo custo para integrar sistemas de internet.

Musk, atualmente, trava uma briga para comprar o Twitter. Ele, que é dono também da Tesla, caiu no gosto dos bolsonaristas por ter indicado que gostaria de mudar as políticas da plataforma. Os apoiadores do presidente criticam a rede social pelos limites impostos a compartilhamento de desinformação.

Quando o Twitter fixou acordo com Musk, Bolsonaro disse que a compra “mudou o humor do Brasil”, já que o sul-africano falou ter como prioridade “aumentar os limites da liberdade de expressão”.

O empresário ofereceu US$ 44 bilhões (R$ 214 bilhões, na cotação de hoje) para adquirir a rede social e o conselho administrativo da plataforma afirmou que “está comprometido em concluir a transação no preço e nos termos acordados o mais rápido possível”.

Elon Musk, o homem mais rico do planeta, dono de uma fortuna de US$ 210 bilhões, deve apresentar nesta sexta-feira sua empresa Starlink para o presidente Jair Bolsonaro. Sua chegada ao Brasil está prevista para hoje de manhã.

De acordo com a coluna do Lauro Jardim, em O Globo, o encontro, até então mantido em sigilo pelo Palácio do Planalto, acontecerá no hotel Fasano Boa Vista, no interior paulista, onde se realizará um almoço com empresários e alguns ministros do governo. Veja aqui a lista dos empresários brasileiros e executivos que se reunirão com Musk.

O bilionário dono da Tesla, SpaceX e candidato a dono do Twitter, deve apresentar sua rede de satélites Starlink. A empresa prevê oferecer internet de alta velocidade a regiões onde a fibra óptica, mesmo com o advento do 5G no mundo, não deve ser alcançada pelo custo de infraestrutura.

A Starlink promete velocidades de download entre 100 Mb/s e 200 Mb/s, e latência de até 20 ms na maioria dos locais. O projeto prevê levar 42 mil satélites para a órbita da Terra, sendo que pelo menos 1,8 mil já foram enviados.

O primeiro negócio de Musk foi a Zip2, empresa de software web que fundou com seu irmão Kimbal e com o sócio Greg Kouri. Companhia foi vendida em 1999 por US$ 305 milhões para a Compaq Computer.

Musk co-fundou a X.com em 1999, empresa de pagamento de serviços financeiros on-line e de e-mail. O negócio se fundiu com a Confinity, uma instituição de operações financeiras. Fusão entre as duas companhias deu origem ao Paypal, depois vendido para o Ebay por US$ 1,5 bilhão em 2002.

Em novembro do ano passado, Elon Musk se encontrou com o ministro das Comunicações, Fábio Faria, onde apresentou seus planos para conectar as escolas rurais com banda larga e também de sistemas de monitoramento da Amazônia.

Em janeiro deste ano, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) deu aval para a Starlink operar satélites de órbita baixa no Brasil. Pouco mais de uma semana após a autorização da Anatel, a Starlink divulgou os preços de seus serviços de assinatura e equipamentos para fornecimento de internet via satélite no mercado brasileiro.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.