BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito - Pelos ataques aos senadores, Bolsonaro tem se incomodado com a CPI da Pandemia


O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a atacar a CPI da Covid. Nas redes sociais, respondeu a membros da comissão que criticam medicamentos sem eficácia comprovada que "não encham o saco". Segundo o presidente, o médico e o paciente são livres para escolher como querem se tratar.
O governo Bolsonaro está acuado pela CPI que investiga as ações e omissões do governo federal na pandemia e que é controlada por parlamentares críticos ao presidente.

Em outro momento de total desrespeito às 441 mil mortes de brasileiros pela Covid-19,  o presidente da República novamente reproduziu a imitação de um paciente com falta de ar durante a transmissão da sua live nas redes sociais.

— Ser ministro da Saúde de fora é fácil. O Mandetta é aquele cara que condena a cloroquina e fala o quê para você? Fica em casa e, quando estiver sentindo falta de ar (imita uma pessoa com falta de ar), vai para o hospital para fazer o quê? Se não tem remédio comprovado? Para ser intubado”, disse.

De volta ao ninho tucano

Fazer o PSDB crescer e resgatar a identidade da social democracia. Estes são dos dois compromisso de Arthur Virgílio que esta semana assumiu a presidência da legenda no Amazonas.

—  Assumo a designação do meu partido com muita honra e com o compromisso de fazer o melhor para que ele volte a crescer –, afirma o tucano.

Sem tirar o “P”

Virgílio disse que tem pela frente um grande desafio: resgatar a identidade da social democracia para as eleições, para a vida, para a militância futura, modernizando a “velha social democracia”.

— O que se definia como social democracia está ultrapassado. Mas, não concordo em mudar o nome nem tirar o ‘P’ para escamotear a realidade – avaliou o novo presidente.

A designação foi assinada pelo presidente nacional do partido, Bruno Cavalcanti de Araújo, e tem validade de 1º de Maio de 2021 a 30 de abril de 2022. A nova direção conta, ainda, com outros nove nomes.

Complexo de colonização

Falando em tucano, o senador Plínio Valério (PSDB-AM), que colou em Arthur Virgílio  para se eleger em 2018, já avisou que o ex-prefeito não terá deu apoio nas prévias do PSDB.

Ingratidão

— Meu candidato é o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE). Sou um dos maiores incentivadores da candidatura do Tasso por achar que ele, pela experiência, independência e respeito, pode se tornar uma excelente terceira via – disse o tucano de Eirunepé.

O povo quer saber

Arthur já foi prefeito três vezes, senador, deputado federal, ministro e diplomata. Isso não conta como experiência? Ou é  porque, simplesmente,  ele é amazonense e santo de casa não presta?

Cabra macho

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da CPI da Covid fez o que ninguém teve cofragem de fazer. Disparou um requerimento para que o general Eduardo Pazuello , ex-ministro da Saúde, apresente um teste para o novo coronavírus (Sars-CoV-2) com o objetivo de atestar se o militar está com a Covid-19 .

O migué do Pazuello

A audiência de Pazuello na CPI da Covid, que estava marcada para esta quarta-feira (5), foi adiada para 19 de maio. O motivo do adiamento foi o contato que o ex-ministro teve com duas pessoas que estavam infectadas, segundo a assessoria de imprensa dele.

O requerimento de Randolfe foi feito após o jornal  O Estado de São Paulo  noticiar que Pazuello teria se encontrado com o ministro da secretaria geral da presidência, Onyx Lorenzoni , nesta quinta-feira (6).

De novo, sem máscara

Ainda de acordo com o jornal, Pazuello também foi visto circulando pelo Hotel de Trânsito de Oficiais, onde mora, sem máscara.

Perguntar não ofende

Se é mesmo que teve contato com contaminados, o general não precisaria cumprir isolamento social de 14 dias?

Desmatamento recorde

No total, 580,55 km2 foram desmatados na Amazônia brasileira em abril, nível recorde para o mês, de acordo com dados oficiais divulgados nesta sexta-feira, 7, que desafiam as promessas do presidente Jair Bolsonaro de reduzir o desmatamento.

A área desmatada é 42,5% maior que em abril de 2020 (407,2 km2), segundo o sistema de observação por satélite Deter, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), que coleta dados desde 2015.

Boicote ao Brasil

A pressão sobre o Brasil aumentou nesta semana. Grandes supermercados e produtores de alimentos britânicos e da União Europeia ameaçaram boicotar os produtos brasileiros, devido a um projeto de lei que, segundo eles, levaria a mais desmatamento na Amazônia.

Titulo In memorian

A deputada estadual Nejmi Aziz (PSD)  encaminhou  proposta de Projeto de Lei (PL) à Assembleia para conceder o título de “Cidadão Amazonense” ao ator, humorista, diretor, roteirista e apresentador brasileiro, Paulo Gustavo (in memorian) como agradecimento e retribuição aos serviços de solidariedade prestados à sociedade amazonense, durante a segunda onda da Covid-19 no Amazonas.

Generosidade

Após a recente morte do ator, a opinião pública tomou conhecimento da doação de recursos financeiros para a aquisição de cilindros abastecidos com oxigênio para o imediato atendimento médico dos amazonenses infectados pelo novo coronavírus.

Coração nobre

Para a deputada Nejmi, chama a atenção a forma discreta com que Paulo Gustavo sempre realizou filantropia pelo país e doou ao Amazonas sem fazer qualquer alarde.

— Paulo Gustavo fez um ato nobre em favor da nossa população amazonense, mas também nos presenteou com a alegria e o sorriso que seu eterno personagem ,“Dona Hermínia”.

Iluminado

A deputada considera que Paulo Gustavo  foi além de um recorde de bilheteria.

— Ele se mostrou um ser humano iluminado e cheio de virtudes que agora sugiro o reconhecimento –, justificou a  ex-primeira dama.

ÚLTIMA HORA

Frente PT, PSB e PSD para derrotar Bolsonaro em 2022

Após as articulações do ex-presidente Lula ( PT ) em Brasília, lideranças do PT, PSB e PSB se organizam para unir forças e montar uma ' frente anti-bolsonaro ' nas disputas eleitorais de 2022. O objetivo seria disputar o primeiro turno como se fosse o segundo e rivalizar com os candidatos do presidente Jair Bolsonaro. As informações são da jornalista Mônica Bergamo .Uma das possibilidades discutidas - ainda que de maneira ambiciosa – seria o apoio ao PSD em Minas Gerais, com a candidatura de Alexandre Kalil; do PSB no Rio de Janeiro, com Marcelo Freixo (que atualmente integra o PSOL); e do PSB em São Paulo, com Márcio França. A união, em provável segundo turno, seria em torno destes nomes - que apoiariam Lula e o PT na corrida ao Planalto.

ORGULHO

Namorada Georgina Rodriguez a bordo do novo "brinquedo"de R$ 127 milhões

O craque Cristiano Ronaldo e sua namorada Georgina Rodriguez postaram uma foto a bordo de um jato particular, que custa nada menos que 20 milhões de euros, algo em torno de R$ 127 milhões (na cotação atual).No registro, o casal curtia um momento relaxante no avião de luxo. A viagem no jato particular, aliás, ocorreu poucos dias depois de Rodriguez pegar o avião com destino a Paris , o que levou os fãs a concluírem que o jogador poderia estar fechando uma transferência para o PSG , para atuar ao lado de Neymar.

VERGONHA

O presidente da República,  Jair Bolsonaro (sem partido), passou a ser chamado de "Senhor da Morte" em um outdoor instalado na cidade de Olinda, localizada no estado de Pernambuco. Na placa publicitária, além do pedido por mais vacinas, a responsabilidade pela morte de "mais de 350.000 mortos pela Covid-19" é atribuída ao chefe do executivo federal. A placa leva a seguinte frase: "O senhor da morte chefiando o país", com uma imagem de uma caveira com a faixa presidencial e uma tag "FORABOLSONARO".

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.