Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

A bancada do Amazonas no Congresso Nacional abriu fogo contra o novo ataque do presidente Jair Bolsonaro contra a Zona Franca de Manaus.

O primeiro a apontar o equívoco de Bolsonaro foi o senador Omar Aziz (PSD), coordenador da bancada do Amazonas no Congresso Nacional.

“O presidente disse que é para estimular a competitividade. Ele está falando uma coisa que não sabe. Estimular como? Não estimula nem a competitividade e  nem a inovação. O Brasil não vai produzir inteligência suficiente para produzir inovação tecnológica”, reagiu Aziz.

Desemprego em massa

O senador alerta que a proposta de Bolsonaro é preocupante porque nenhuma indústria dos países latinos tem tecnologia para disputar com países que estão em patamar superior na inovação tecnológica, como a Coréia do Sul, o Japão, a Alemanha e os Estados Unidos da América.

“O resultado disso, segundo o senador, será o desemprego em massa!”, adverte Omar.

Repetindo Collor

Omar Aziz alerta que o presidente Bolsonaro está cometendo um equívoco por falta de conhecimento a respeito da indústria nacional. “Ele  imita atos do ex-presidente Fernando Collor que quebraram a indústria automobilística e o comércio de importação da Zona Franca de Manaus!”, relembra.

Volta por cima

Duas semanas após a estreia da série Bandidos na TV, no Netflix, que mostrou a história do ex-deputado estadual Wallace Souza, a família que comandava o antigo programa Canal Livre já começa a sentir os impactos do documentário na opinião pública. No último sábado (15), Carlos Souza, um dos irmãos de Wallace, foi ovacionado no arraial do CSU do Parque 10.

Resgate de Wallace

Quem esteve no local presenciou as pessoas indo abraçar o ex-deputado federal e dizendo que confiam na inocência da família.

De pai pra filho

Em entrevista ao Programa Agora, Willace Souza, filho de Wallace, afirmou que a série uniu ainda mais a família e não escondeu seu desejo de seguir os passos do pai na carreira política. “Tenho uma missão com meu pai e o legado dele. Não descarto a hipótese de seguir na política, porque acredito que lá posso ter voz para continuar falando pelo meu pai e por quem ele ajudava”, disse.

Na mira do TCE

As contas do exercício de 2018 do ex-governador Amazonino Mendes (PDT) serão julgadas nesta terça-feira (18) pelo Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM).

O processo tem relatoria do conselheiro Josué Filho e tem parecer do procurador-geral do Ministério Públicos de Contas (MPC-AM), João Barroso.

El bigodon

O novo look do vereador Carlos Portta (PSB) não passou despercebido na sessão de ontem (17) na CMM.

Com um bigode grosso, o parlamentar foi apelidado por Hiram Nicolau (PSD) de El Chapo, que é um narcotraficante mexicano que virou série do Netflix.

Defesa da ZFM

O governador do Amazonas, Wilson Lima, assinou ontem (17), decreto instituindo a criação do Comitê de Assuntos Tributários Estratégicos (Cate). O objetivo é assessorar as decisões do Governo do Amazonas quanto à reforma tributária em tramitação no Congresso Nacional.

Cuidado com a ZFM

Assim, Wilson quer como contribuir para as políticas públicas tributárias estaduais que envolvam a Zona Franca de Manaus (ZFM).

Fala índio!

Na próxima quinta-feira (20), lideranças dos povos indígenas do Amazonas se reúnem com a deputada federal Joênia Wapichana (Rede-RR), coordenadora da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos Indígenas no Congresso Nacional.

Fala, índio2

A parlamentar estará primeira vez capital amazonense para ouvir e conhecer o panorama das lutas no âmbito estadual. A deia é colher informações para apresentar um contexto do cenário da atual legislatura do Congresso Nacional em relação aos povos indígenas.

Eletronorte, 46 anos

O Senado homenageou em sessão especial os 46 anos da Eletronorte. Criada em 20 de junho de 1973, a Eletronorte gera energia elétrica para os nove estados da Amazônia Legal. São  mais de 11 mil quilômetros de linhas de transmissão e potência total gerada de mais de 9 mil megawatts.

Energia limpa

Ao defender a construção de mais hidrelétricas no país, o presidente da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), André Pepitone, lembrou que essa forma de geração de energia é limpa e renovável.

EM ALTA

O jogador Richarlison, da Seleção Brasileira, que fez uma doação pra ajudar estudantes do Instituto Federal do Espírito Santo, em Nova Venécia, a participarem da Olimpíada Internacional de Matemática, na Ásia. O atacante capixaba doou 49 mil reais aos alunos do Ifes, que se reuniram na última quarta, 12, para escreverem uma mensagem de agradecimento ao jogador da Seleção:

EM BAIXA

A plataforma de mandato da  deputada estadual de Santa Catarina Ana Caroline Campagnolo (PSL)  que é contra o feminismo e diz que as mulheres não foram oprimidas. “O feminismo parte do pressuposto que a mulher é oprimida e o homem privilegiado. Mas as mulheres foram privilegiadas, e não oprimidas”, afirma. Ela ainda ressaltou que, historicamente, as mulheres faziam trabalho doméstico e consumiam usando o salário do marido. “É um baita privilégio gastar o salário alheio”, disse.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.