Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito – Hissa diz que PDT descartou Amazonino para governo


Em nota de esclarecimento divulgada ontem (16), o diretório estadual Partido Democrático Trabalhista (PDT) que deliberou em reunião extraordinária que a sigla terá candidato próprio ao governo do Estado, mas que os postulantes são os militantes Carlos Fernandes e Madalena Silva, descartando, desta forma, o nome do atual governador Amazonino Mendes.

Tapas e beijos

Vale lembrar que o presidente do PDT no Amazonas, o deputado federal Hissa Abrahão e Amazonino vivem uma relação conturbada. Mesmo assim repete sempre que “o governador tem o nosso respeito”.

Vice, nem pensar!

Aliás, Hissa também descarta que tenha sido sondado para ser o candidato a vice na chapa de Omar Aziz (PSD). “Em hipótese alguma o PDT terá candidato ao cargo de vice governador. O PDT terá candidato a governador. Temos atualmente três prováveis nomes para serem apreciados na convenção, conforme o estatuto do partido e três pré-candidatos ao Senado da República. Vamos em frente”.

Justificativa

A justificativa para deixar Amazonino fora do páreo é que todos os esforços do PDT estão voltados à candidatura de Ciro Gomes à Presidência da República, e de se criar palanques estaduais para o ex-governador do Ceará.

Ninho tucano

Como Amazonino quer o apoio do prefeito de Manaus Arthur Neto (PSDB), sua candidatura fica inviabilizada, já que os tucanos têm Geraldo Alckmin como pré-candidato ao Palácio do Planalto.

Omar avança

Na pesquisa da empresa #Pesquisa365 Informações Inteligentes, divulgada ontem (16), o senador Omar Aziz (PSD) foi quem mais avançou na corrida pelo governo do Estado. No primeiro levantamento, em abril, ele aparecia com 9,7% das intenções de votos a agora figura com 12,9%.

Pesquisa

A pesquisa entrevistou dois mil eleitores entre os dias 9 e 14 de julho em Manaus e 20 municípios do interior do estado, e foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o código: AM-01356/2018.

David cresce….

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), David Almeida (PSB) também está comemorando o resultado da pesquisa. Ele aparece com 16,4% das intenções de votos, na segunda colocação atrás de Amazonino Mendes (PDT) que tem 24,8%.

… E pode vencer

Porém, quando o cenário é o segundo turno, o deputado sai vitorioso com 36,7% contra 36,6%.

Indecisão em alta

A pesquisa também comprova um fenômeno que se tornou comum no Amazonas desde a eleição suplementar do ano passado: o alto índice de pessoas que afirmam que votarão em branco, nulo ou estão indecisas.

X

Em abril 19,8% dos entrevistados estavam nesta categoria, agora o número saltou para 32,2%.

No Planalto Central

Falando em David, o pré-candidato ao governo que amanheceu esta segunda-feira (16) como o principal adversário de Amazonino Mendes no segundo turno das eleições deste ano, segundo duas pesquisas registradas, vai nesta terça-feira (17) à Brasília.

Vai com quem?

Na companhia do presidente regional do PSB-AM, vereador Marcelo Serafim, David via conferir na executiva nacional do partido como devem ficar as composições para a disputa pela presidência do País e até onde pode ir com composição regional.

Deu o “migué”

A promessa do governador Amazonino Mendes de repassar R$ 100 milhões à prefeitura de Manaus, feita durante a eleição suplementar do ano passado, não foi cumprida até agora.

X

Mas, em ano de eleição, como diz a cartilha do poliquês, as promessas se renovam.

Prometeu de novo

Ciente da importância do apoio de Arthur Neto, Mendes, que é raposa velha, renovou a promessa e tem afirmado que vai repassar ao invés de R$ 100, R$ 150 milhões.

Arthur não é bobo

O prefeito que não é bobo aceitou a ajuda, mas segue, ainda, sem definir se apoiará a reeleição do Negão no pleito de outubro.

Fiel escudeiro

Durante evento de anúncio de sua pré-candidatura a mais uma reeleição, o deputado federal Silas Câmara (PRB) declarou seu total apoio ao senador Omar Aziz (PSD) que vai concorrer ao governo do Estado.

X

“O Omar, com certeza, foi o melhor governador que o Amazonas já teve”, disse Silas.

Escândalo

O Senador Eduardo Braga (MDB-AM) reabriu a antiga ferida da BR-319. Disse que na semana passada participou de um debate que é, no mínimo, um escândalo.

X

“O Ibama declarou em audiência pública que não recebeu estudos dos impactos ambientais para liberar a BR-319 e que esses estudos devem ficar prontos apenas em 2019”, disse o senador.

Chamada às falas

Esse foi o gancho para os senadores convocarem o ministro dos Transportes, Valter Casimiro Silveira, para prestar esclarecimentos. “O governo está faltando com a verdade para o povo amazonenses”, cutucou Braga.

EM ALTA

O presidente da França, Emmanuel Macron, foi ao vestiário da Croácia no estádio Luzhniki, em Moscou, para parabenizar os jogadores após a derrota para a seleção francesa por 4 a 2 na final da Copa do Mundo. Grande gesto do presidente francês Emmanuel Macron, que veio parabenizar os jogadores da Croácia após a final da Copa do Mundo, publicou no Twitter a federação croata de futebol.

EM BAIXA

É lamentável, mas o Brasil, que vinha reduzindo suas taxas de mortalidade infantil com índices melhores que a média mundial nos últimos 26 anos, teve, em 2016, o primeiro dado estatístico de retrocesso: 14 óbitos infantis a cada mil nascimentos, um aumento de aproximadamente 5% sobre o ano anterior. Ministério da saúde culpa vírus zika e crise econômica.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.