BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito - Cacique Raoni denuncia Bolsonaro no Tribunal de Haia e vira artista de TV


Cacique que protocolou uma ação contra o presidente Jair Bolsonaro no Tribunal Penal Internacional e o acusou de cometer crimes contra a humanidade, Raoni Metuktire será um dos personagens do especial Falas da Terra, da Globo.

Terceiro capítulo do Projeto Identidade, o programa vai ao ar em 19 de abril, Dia do Índio, logo após o BBB21. No documento protocolado por Metuktire no tribunal de Haia (Holanda), o cacique atribuiu ao governante a responsabilidade por "morte, extermínio, migração forçada, escravização e perseguição contra indígenas". Assim como a própria Globo, o líder indígena já foi alvo de críticas por parte do chefe do Executivo. No fim do ano passado, em entrevista ao Conversa com Bial, o cacique desdenhou: "Para mim, não tem importância o que ele [Bolsonaro] fala. Eu vou seguir a minha luta".

Índia médica

Além do cacique Raoni, que se notabilizou pela luta em defesa da Amazônia, Falas da Terra contará a história de outros indígenas notáveis. Entre eles, estão a cirurgiã Myrian Krexu, uma das primeiras indígenas a concluir o curso de Medicina, em 2013.

Rede de intrigas

A Rádio Diário do Amazonas foi obrigada a veicular em seu principal noticiário matinal, o direito de resposta à deputada estadual Joana Darc (PL), que foi alvo de falsas notícias envolvendo uma suposta compra de um imóvel no valor de R$ 5 milhões.

Mansão é fake

O boato foi divulgado em fevereiro deste ano pelo blogueiro Alex Braga no jornal ‘Diário da Manhã’ e no programa ‘Amazonas Diário’, onde insinuou sem apresentar provas, que Joana teria adquirido uma ‘mansão’ avaliada em R$ 5 milhões de maneira ilícita.

Justiça corrige

O Juiz Antônio Bezerra Júnior da 12ª Vara do Juizado Especial Cível reconheceu o direito de resposta à deputada. Na época, La Darc enfrentava a reta final de uma gravidez de risco e  se tornou alvo de ataques políticos.

IPTU: paga e não bufa

A partir desta sexta-feira, 26/3, os contribuintes da capital amazonense começarão a receber, da Prefeitura de Manaus, o carnê do Imposto Sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU).

Desconto e prazo

Considerando os reflexos econômicos causados pela pandemia da Covid-19, a Prefeitura de Manaus ampliou o vencimento do IPTU 2021 em um mês. Também  está concedendo condições especiais para pagamento até a data de vencimento, que se dará no dia 15/4.

Medalha Tadros

A vereadora Professora Jacqueline (Podemos) é autora do Projeto de criação da Medalha Luiz Ricardo Tadros. De acordo com a parlamentar é uma forma de homenagear uma personalidade que muito contribuiu para o desenvolvimento do Turismo no Amazonas.

— Luiz Ricardo Tadros foi um homem comprometido com o turismo, teve uma participação efetiva no desenvolvimento econômico voltado para a sustentabilidade e fomento social no Amazonas –, defendeu.

Desbravadores

A vereadora também reconheceu a contribuição da família Tadros com experiência de 142 anos de trabalho acumulado em prol do desenvolvimento da região Amazônica.

— Os membros da família Tadros no Amazonas despontam como pioneiros e desbravadores dos rincões da Amazônia Ocidental –, reforçou.

Professora Jacqueline 

Lei Aldir Blanc

Devido à pandemia da Covid-19, a Prefeitura de Manaus, por meio do Conselho de Cultura de Manaus (Concultura), prorrogou os prazos de prestação de contas financiadas pela Lei Federal Aldir Blanc/2020.

A nova data para os contemplados no Edital de Chamamento Público 12/2020 fica estendida até 26/3, o prazo de execução das contrapartidas passa a ser 16/4.

Orientações

Todos os proponentes que precisam executar contrapartidas estão recebendo orientações por meio de contato telefônico e virtualmente por e-mail.

Salário em  moedas

Imagine você receber o salário de mais de  R$ 5 mil em moedas de centavos?

Pois foi isso que a  oficina Walker Luxury Autoworks, localizada em Peachtree City, estado norte-americano da Geórgia, fez. Só pra se vingar pagou o salário final de um funcionário em moedas.

Empresa pagou funcionário com um carrinho de moedas de centavos

Mais precisamente, 91.500 centavos foram dados ao empregado, totalizando US$ 915 (R$ 5.172 na cotação atual) em salários devidos

Mustang de cinema

A Luxury foi a oficina que construiu o Ford Mustangs para o filme de Clint Eastwood "Curvas Da Vida" (2012) e  para uma tentativa de um recorde mundial de velocidade em terra.

Fritura

A pressão sobre o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) pela demissão do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, aumentou exponencialmente durante e após a sessão de debater no Senado Federal e fez o Planalto dar início a busca por um substituto.

Nessa quarta-feira, 24, Araújo foi ao Senado para prestar informações sobre a atuação do ministério nos esforços para obtenção de vacinas contra a Covid e ouviu pedidos para que renunciasse.

Em nome do país

O senador cearense Tasso Jereissati (PSDB) pediu a renúncia de Araújo “em nome do País”.

— Esse momento seu é ruim para o País. Em nome do País e desses que podem morrer daqui pra lá, renuncie e bote um diplomata.  É esse o apelo que eu faço, ministro, renuncie a esse ministério –, completou.

Jair não vai mudar

Presidente Bolsonaro volta a falar em “tratamento precoce” com hidroxicloroquina.

A prova de que Jair Bolsonaro não está disposto a mudar sua perversa gestão da pandemia, que já matou mais de 300 mil brasileiros, foi dada pelo próprio Jair Bolsonaro, na quarta-feira (24).

Após a primeira reunião do comitê anti-Covid – criado com um ano de atraso e apenas após iniciativa do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) –, o presidente da República insistiu:

Tratamos também da possibilidade de tratamento precoce.

Cloroquina mata

O mais grave, porém, é que, além de atrasar o acesso dos brasileiros à imunização, Bolsonaro estimula o uso de medicações que, além de não curar, podem matar.

No mesmo dia em que o presidente voltava a falar em “tratamento precoce”, o Hospital Nossa Senhora Aparecida de Camaquã (RS) confirmava a morte de três pacientes com Covid-19 que haviam sido nebulizados com uma solução de hidroxicloroquina.

Hospital confirma

O procedimento foi administrado pela médica Eliane Scherer, apoiadora de Bolsonaro e denunciada pelo hospital ao Conselho Regional de Medicina e ao Ministério Público.

— Não tenho como atribuir melhora ou piora diretamente ao procedimento, mas, de fato, o desfecho final de três pacientes submetidos à terapia foi óbito –, admitiu o diretor técnico do hospital, Tiago Bonilha.

Nebulização e morte

De acordo com o Dr. Bonilha, está documentado em prontuário taquicardia ou arritmias, algumas horas após os três pacientes receberem a nebulização.

PGE voltou

A Procuradoria Geral do Estado (PGE-AM) retomou, nesta semana, o atendimento presencial no posto situado na sede do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM). O serviço havia sido suspenso de forma temporária por causa da segunda onda da pandemia da Covid-19 no estado.

Flagrados no fura fila

Uma servidora da saúde de Belo Horizonte gravou o momento em que empresários são vacinados por uma gente de saúde na garagem de uma empresa de ônibus de Belo Horizonte (MG).

Reportagem da revista Piauí revelou que empresários de Minas Gerais compraram doses do imunizante da Pfizer e foram vacinados contra a Covid-19 às escondidas na garagem da empresa de transportes Saritur.

ÚLTIMA HORA

O povo é sacrificado no “toma lá dá cá” do Congresso Nacional

A Comissão Mista de Orçamento (CMO) aprovou nesta quinta-feira (25/3) o parecer final do Orçamento de 2021. O texto seria votado ainda hoje pelo Congresso Nacional, mas tem dividido os parlamentares. É que o parecer tira R$ 26,5 bilhões do orçamento destinado ao pagamento de benefícios previdenciários, do abono salarial e do seguro-desemprego para turbinar as emendas parlamentares.  O orçamento da Previdência Social foi o principal atingido pelo remanejamento, pois perdeu R$ 13,5 para as emendas parlamentares.

Outros R$ 7,4 bilhões saíram do abono salarial, que teve os pagamentos deste ano adiados para 2022, nesta semana. Os R$ 2,6 bilhões restantes saíram do seguro-desemprego.

ORGULHO

O Maracanã, sem dúvidas, já foi cenário de muitas emoções, seja comemorações por vitórias, tristezas em derrotas, Copa do Mundo.  Mas não para por aí. Para Aline Bordalo e Alexandre Araújo, ambos apaixonados por futebol, o estádio foi cenário de um dos dias mais importantes da história do casal: o dia do casamento. Tudo começou em 2014, ano de Copa do Mundo no Brasil, quando o casal descobriu que a revista “Inesquecível Casamento” faria um casamento fake no Maracanã para uma edição especial. A oportunidade e o convite vieram, mas com uma condição: o casamento aconteceria em 15 dias, pois o Maracanã seria entregue para a FIFA. E, obviamente, o casal não exitou  em dizer “sim”. Convite aceito, foram aos preparativos. E 15 dias depois, chegou o grande dia. O casal diz sem a menor sombra de dúvida que tudo foi impecável. Uma cantora lírica do Theatro Municipal cantou as músicas escolhidas por Aline e Alexandre, o estádio foi iluminado em azul e o altar foi montado de frente para o gramado. Um cenário marcante para todos presentes e inesquecível para os noivos.

O amor no tempo da bola: Aline e Alexandre na hora do sim, em pleno Maracanã

VERGONHA

Em meio ao cenário de gravidade da pandemia da covid-19 no Brasil, a Associação Médica Brasileira (AMB) divulgou um boletim para orientar pacientes de todo o Brasil, no qual afirma que medicações como a hidroxicloroquina/cloroquina, ivermectina, nitazoxanida, azitromicina e colchicina não possuem eficácia científica comprovada de benefício no tratamento ou prevenção da covid-19 e, por isso, “a utilização desses fármacos deve ser banida”. “Reafirmamos que, infelizmente, medicações como hidroxicloroquina/cloroquina, ivermectina, nitazoxanida, azitromicina e colchicina, entre outras drogas, não possuem eficácia científica comprovada de benefício no tratamento ou prevenção da COVID-19, quer seja na prevenção, na fase inicial ou nas fases avançadas dessa doença, sendo que, portanto, a utilização desses fármacos deve ser banida”, diz o documento.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.