BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito - Aberta temporada de caça às ONGs


O senador Plínio Valério (PSDB) continua achando que as ONGs são o único mal que devasta a Amazônia.

Na ânsia de defender o caboclo da região – e nisso ele está certo –, Valério acaba despertando a fúria contra organizações que trabalham com seriedade na Amazônia. Isso existe e ele tem conhecimento. No entanto, continua cobrando as ONGs e até fazendo acusações pesadas e sem provas:

— Aonde foram parar os bilhões de reais ofertados por estrangeiros às ONGs que operam na Amazônia? Nos bolsos dos nossos seringueiros, pescadores, agricultores e indígenas  tenho certeza que não foi –, dispara o tucano de Eirunepé (AM)..

Caboclo rei

Plínio avalia que aqueles que dizem defender a floresta,  precisam aceitar que a solução passa por entender que “o nosso caboclo é peça chave nesse processo”.

— Contudo ele precisa ser mantido com dignidade. É querer demais?

Coronavírus na pauta política

Já passam de 100 mil  (na verdade 100.347)  os casos registrados de coronavírus (Covid-19) , em todo o mundo.

Apesar da orientação da Organização Mundial de Saúde (OMS) para não haver pânico, o assunto é o mais debatido em todas as esferas da sociedade.

Câmara debate

Em Manaus, a Câmara de Vereadores  dedicou a sessão de ontem para debater o novo Coronavírus (Covid-19) que ataca o sistema respiratório e tem deixado o mundo em alerta.

Melhor prevenir

O vereador Gilmar Nascimento (PSD)  disse que é preciso esclarecer a população sobre o que está sendo feito para prevenir casos e uma possível epidemia da doença no município e no estado.

— O Coronavírus é tema recorrente nos dias atuais e não poderíamos deixar de esclarecer o que podemos fazer para nos proteger –, alertou o parlamentar.

Comitê

O secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi, informou que foi criado um comitê de atenção ao vírus, formado por técnicos das secretarias municipal e estadual de saúde, sob orientação do Ministério da Saúde (MS).

Prontidão

O secretário garantiu que as mais de 220 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da cidade de Manaus estão preparadas para identificar os possíveis casos suspeitos e, de imediato, encaminhar ao hospital de referência, Delphina Aziz.

Mulheres quebram silêncio

Os números são altos e preocupam:  As três Delegacias Especializadas em Crimes Contra a Mulher  já realizaram 3.210 atendimentos só nos dois primeiros meses do ano.

É mas não é

No entanto, o que à primeira vista possa parecer um número doloroso e triste, a delegada Débora Mafra garante que  o dado é positivo, pois significa que mais mulheres estão tendo coragem de denunciar seus agressores.

— Realmente os números de denúncias são muito altos,  porém significam que mais e mais mulheres estão saindo do ciclo de violência doméstica –, analisa Mafra.

Feminicídio

A delegada Débora Mafra observa que o Amazonas registou “somente” dois feminicídios, justamente  de mulheres que nunca denunciaram.

— Também é um número baixo para o número de habitantes. Portanto nós estamos vendo que o remédio é esse mesmo, é denunciar, denunciar o quanto antes –, afirma a delegada.

Risco hidrológico

O presidente da Comissão de assuntos Econômicos (CAE), no senado, Omar Aziz I(PSD-AM) vai incluir o projeto de lei que trata da repactuação do risco hidrológico (GSF) como primeiro item da pauta  de reunião do colegiado.

Compra-se energia

O impasse envolvendo o risco hidrológico começou em 2015, quando, em razão da escassez de chuvas, as geradoras de energia não conseguiam produzir toda a energia prevista nos contratos de fornecimento.

E aí tiveram que comprar energia de outros fornecedores para cumprir seus compromissos.

Quem paga a conta

Esses valores impactam no preço das conta de luz, em razão da escassez de chuvas.

A proposta que tramita no Congresso isenta as hidrelétricas de multa quando a causa for considerada “não hidrológica”.

Contra o  Brasduto

Aziz é contrário  ao projeto de criação do Brasduto, que está no PL e prevê a destinação de recursos do pré-sal para a construção de gasodutos.

Te cuida, Regina!

A secretária Especial da Cultura, Regina Duarte, não terá vida fácil, como nas novelas.

Nesta segunda-feira (9), Olavo de Carvalho, guru do clã Bolsonaro, voltou a bater duro na “viúva Porcina”.

Segundo ele, a atriz teria sido levada ao cargo pela mesma “facção” que criticou em entrevista ao programa Fantástico, da Rede Globo, exibida no domingo (8).

Guerra de Facções

Olavo disse que Regina Duarte age como se o seu emprego no governo lhe pertencesse por direito natural contestado apenas por ‘uma facção bolsonarista’.

— Na verdade foi essa facção, representada pelo presidente [Jair Bolsonaro], quem lhe deu o emprego, escreveu nas redes sociais.

“Véia maluca”

O guru do capitão foi mais violento ainda. Veja só o que ele disse, sem dó ou piedade:

— A óbvia inversão psicótica da realidade mostra que a véia não está boa da cabeça e não deve ocupar cargo nenhum.

Machão não entra

O vereador Elissandro Bessa (Solidariedade)  tem pressa na  aprovação do Projeto de Lei 094/2019 que propõe a vedação de nomeação em cargos de confiança no âmbito Executivo Municipal, de pessoas que tenham sido condenadas pela prática de crimes previstos na lei 11.340, a Lei Maria da Penha.

O projeto foi apresentado na Câmara no dia 25 de março de 2019 e ainda não entrou em pauta.

Dorme na gaveta

Bessa reclamou que o PL está esquecido nas gavetas do arquivo da Casa Legislativa.

— Por favor, me ajudem nessa causa, isso sim é motivo para comemorar o dia Internacional das Mulheres  – cobrou o vereador.

“Véio da Havan”.

A juíza Anuska Felski da Silva, da 2.ª Vara Cível de Navegantes (SC), agendou para 29 de junho a audiência de conciliação entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o empresário Luciano Hang, o “véio da Havan”.

O petista processa Hang por calúnia e difamação sob acusação de ter patrocinado um avião que sobrevoou o litoral catarinense com a mensagem: "Lula cachaceiro devolve meu dinheiro".

Paga e não bufa!

No início de dezembro do ano passado, Hang afirmou que iria "patrocinar" um avião que sobrevoaria o litoral de Santa Catarina com "mensagens patriotas".

Mas ao invés disso, exibiu mensagens com agressões ao ex-presidente.

A defesa de Lula cobra R$ 100 mil de indenizações pelo caso, alegando que a mensagem "fere gravemente a imagem e a honra" do ex-presidente.

ORGULHO

Cristiano Ronaldo adora ostentar seus carros e tudo que o dinheiro lhe proporciona, mas também tem um lado caridoso. Segundo a ONG “Athletes Gone Good”, o craque do Real Madrid é o atleta que mais doa dinheiro para instituições de caridade ou pessoas que necessitam de ajuda. "Cristiano Ronaldo está no topo da lista no campo e no trabalho com a caridade. A estrela de futebol levantou dinheiro para várias causas, incluindo a doação de mais de US$ 83 mil para um fã de 10 anos, que necessitava de uma cirurgia no cérebro, e dando mais de US$ 165 mil para financiar um centro de câncer em Portugal, no hospital que tratou sua mãe. Ronaldo também usou sua fama como porta-voz global para uma variedade de causas, incluindo a fome infância, obesidade e da biodiversidade”, diz a ONG.

VERGONHA

A Justiça de São Paulo condenou dois homens pelos crimes de racismo e injúria racial contra jornalista Maju Coutinho, da Rede Globo. Ambos também foram condenados por corrupção de menores, por terem induzido três adolescentes à prática do mesmo crime. As penas variam de cinco a seis anos de reclusão em regime semiaberto, mais multa. Outros dois indiciados foram absolvidos por falta de provas. Consta dos autos que, utilizando perfis falsos nas redes sociais, os réus acessaram a página da emissora e proferiram injúrias contra a apresentadora, referindo-se a sua raça e cor.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.