BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito: CASA DE FERREIRO ESPETO DE PAU – Iphan não cuida nem do seu próprio prédio


Diz um velho ditado da selva que em “casa de ferreiro, espeto de pau”. É mais ou menos isso que vem acontecendo com o histórico prédio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) de Manaus, localizado na área do porto de Manaus , ao lado da lendária Boite dos Ingleses, que deveria ser bem cuidado, já que pertence ao órgão  responsável pela preservação e divulgação do patrimônio material e imaterial do país. Mas, ao contrário, está abandonado e  sendo destruído por assaltantes.

Localizado na travessa Vivaldo Lima, no Centro de Manaus, o prédio histórico, em estilo art nouveau,  está em ruínas e sendo dilapidado.

— Até os  lambrequim – recortes pendentes feitos em, madeira usado na arquitetura e decoração –,  já foram saqueados, denunciou o historiador e ex-secretário de Estado da Cultura, Robério Braga.

Invasão

Em maio de 2016, manifestantes ocuparam do prédio do Iphan.

Foi um ato  organizado por representantes de movimentos culturais e sociais contra o governo do presidente golpista Michel Temer, que ignorou a lei de incentivo à cultura para a capital amazonense.

Prédio histórico do IPHAN destruído por vândalos e pela indiferença do próprio órgão

Bolsominion roxo

Em total subserviência a Bolsonaro, o deputado  capitão Alberto Neto (PL) defende coisas que até o maior dos bolsominions duvida.

Algumas delas nem o próprio Bolsonaro conseguiria defender.

Aplaude e pede bis

Neto aplaudiu e concordou com decisão do ministro Kássio Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal (STF), que revogou a condenação do deputado estadual Fernando Francischini (União Brasil-PR) e do deputado federal Valdevan Noventa (PL-SE).

Ambos os parlamentares tiveram seus mandatos cassados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Então, tá!

Capitão Alberto Neto acredita que a decisão do magistrado de devolver os direitos políticos dos deputados foi assertiva e necessária para “fortalecer a democracia”.

— O Nunes Marques utiliza o processo penal de que Lei não pode retroagir. Não tem nenhuma lei que prevê cassação de mandato por motivos como essa live do delegado Francischini –, defende.

Enchendo a bola do BC

Plínio Valério (PSDB-AM) destacou da tribuna do Senado, a  importância da lei que define os objetivos do Banco Central do Brasil, dispondo sobre sua autonomia e sobre a nomeação e exoneração de seu presidente e diretores.

O senador lembrou que Lei Complementar nº 179, de 2021, que defende essa autonomia, teve origem em projeto de sua autoria.

Estabilidade econômica

O senador ressaltou que a estabilidade econômica, missão do Banco Central, é indispensável para o crescimento econômico com geração de emprego e renda.

— Em 2021, o Banco Central registrou o lucro de R$ 85,9 bilhões, um recorde de todos os tempos. De acordo com o próprio Banco Central, o resultado positivo, com reservas internacionais e derivativos cambiais, totalizou R$ 14,2 bilhões no ano.

Papai eu quero

Milena Câmara, filha de Silas e apadrinhada do pastor RR Soares

O pastor-deputado Silas Câmara (Republicanos-AM) quer fazer mais um político na família.

Para isso vem contando com a ajuda do também pastor R R Soares, da Igreja Internacional da Graça.

Soares  tem  usado a igreja e o espaço que tem na própria rede de televisão, a RIT TV, para apresentar a sua candidata a deputada distrital: a filha de Câmara, Milena Câmara.

Apadrinhada

A apadrinhada política  Milena Câmara é presidente do PP Mulher no DF.

E  entra na disputa do meio evangélico por uma cadeira na Câmara Legislativa do DF (CLDF).

Silas Câmara (Republicanos-AM), que está no quinto mandato consecutivo.

Amazônia de Salgado

Sebastião Salgado fotografou os dois lados da Amazônia: o da destruição e o da exuberância

Sebastião Salgado criou duas exposições com o material fotografado produzido na Amazônia nos últimos nove anos.

Uma delas leva o título de Blessures (Feridas, em tradução do francês) e foi doada ao Instituto Krajcberg.

São imagens da destruição que assola o maior bioma brasileiro e sua exibição, por enquanto, está restrita à Europa.

O lado exuberante

A outra, Amazônia, desembarcou no Brasil em maio e foi montada no Sesc Pompeia.

Em julho, chega ao Museu do Amanhã e, depois, vai para Belém antes de seguir para Los Angeles.

Dessa vez, Salgado e a mulher, Lélia, optaram por mostrar o lado bonito e exuberante da mata.

— Essa é uma opção que nós fizemos. Claro que fotografei fogos na Amazônia, desmatamento. Mas resolvemos apresentar a Amazônia viva, que não foi destruída e precisa ser preservada –, explica Salgado.

Quase impossível

O presidente Jair Bolsonaro (PL) dificilmente terá condições de reverter sua derrota para o ex-presidente Lula (PT) na eleição de outubro.

É no que apostam o cientista político Alberto Carlos Almeida e o politólogo e professor Tiago Garrido, autores  do livro A mão e a luva – O que elege um presidente’, lançado nesta semana pela editora Record.

Sentimento de eleitor

Na obra, os autores analisam como as pesquisas de opinião  refletem o sentimento público antes do pleito e influenciam os resultados.

“Quando a maioria quer mudança, a tendência é de vantagem sempre daquele que é mais conhecido e que não tenha uma rejeição alta”, diz Almeida, em referência o favoritismo de Lula.

Dada a situação econômica e fiscal do País, aposta o cientista, é improvável que Bolsonaro consiga melhorar a sua avaliação.

Comunicação no Parlamento

Os cinco anos de criação da Faculdade de Informação e Comunicação da Universidade

Federal do Amazonas (FIC/Ufam) foram comemorados, nesta segunda-feira (6), durante Sessão Especial, na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), por solicitação do deputado Tony Medeiros (PL).

Na verdade o Curso de Comunicação Social (Jornalismo e Relações Públicas)  da Ufam foi reconhecido em 1977. Logo tem 45 anos. Mas diante da nova realidade e a os avanços das plataformas digitais evoluiu pra FIC.

Primeiro debate

A CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto, pela TV e por nossas plataformas digitais.

ÚLTIMA HORA

Jornalista britânico e indigenista desaparecem no Vale do Javari, no Amazonas

Mistério: Dom Phillips, jornalista britânico, desaparece no meio da selva amazônica

Jornalista britânico Dom Phillips  e o indigenista Bruno Pereira desapareceram no Vale do Javari, região remota no Amazonas, neste fim de semana. Repórter freelancer para o jornal The Guardian, Dom Phillips está escrevendo um livro e viajou acompanhado pelo brasileiro para realizar entrevistas.

De acordo com a União das Organizações Indígenas dos Povos do Javarari (Univaja), a equipe vinha recebendo ameaças antes do desaparecimento. “A ameaça não foi a primeira, outras já vinham sendo feitas a demais membros da equipe técnica da Univaja, além de outros relatos já oficializados para a Polícia Federal, ao Ministério Público Federal em Tabatinga, ao Conselho Nacional de Direitos Humanos e ao Indigenous Peoples Rights International”, informa a entidade em nota.

Univaja informou ainda que eles desapareceram há mais de 24 horas no trajeto entre a comunidade Ribeirinha São Rafael até a cidade de Atalaia do Norte, pontos de ida e de retorno, no Amazonas.  O editor de meio-ambiente do The Guardian, Jonathan Watts, publicou mensagem no Twitter pedindo ajuda das autoridades brasileiras para encontrar a equipe: “Dom Phillips, um excelente jornalista contribuidor regular do Guardian e um grande amigo, está desaparecido no Vale do Javari na Amazônia depois de ameaças de morte ao indigenista e companheiro de viagem Bruno Pereira”.

ORGULHO

Mistério: Dom Phillips, jornalista britânico, desaparece no meio da selva amazônica

Um azeite brasileiro, produzido no Rio Grande do Sul, acaba de ganhar o prêmio de melhor do mundo. De acordo com o portal Só Notícia Boa, o Milonga foi premiado como melhor azeite do Hemisfério Sul no EVO IOOC Italy 2022, agora em maio. De acordo com as regras do concurso, produtos de hemisférios diferentes não podem competir entre si. Assim, o azeite brasileiro conseguiu a premiação máxima no concurso.  Foi a primeira vez que o azeite, produzido na cidade de Triunfo, participou da competição e já saiu consagrado. Criada em 2019, a marca ainda não havia participado de competições internacionais.

VERGONHA

Moda entre os jovens, os cigarros eletrônicos estão causando o efeito contrário do que se previa, no início da febre dos dispositivos. O que parecia até mesmo uma opção para quem queria parar de fumar, agora revela um cenário cheio de riscos e armadilha. Usado sem ressalvas em bares, festas e até escolas, os vapes, como são também conhecidos, chegaram a ser apresentados como opção supostamente menos prejudicial à saúde do que o cigarro convencional. O discurso enganoso esconde uma "epidemia de nicotina entre jovens”, como definiu Drauzio Varella em matéria especial do Fantástico deste domingo (5).

— A nicotina líquida é aquecida dentro do dispositivo e, ao dar a tragada, forma-se um vapor. Para formar esse vapor, é necessário que se insiram substâncias que não existem no cigarro tradicional. O usuário de cigarro eletrônico aumenta em 42% a chance de ter um infarto. O adolescente que usa cigarro eletrônico, ele aumenta em 50% a chance de ter uma asma”, afirma Stella Martins, pneumologista do InCor, em entrevista ao Fantástico.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.