BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Diariamente 32 toneladas de lixo são retiradas de igarapés de Manaus


Diariamente as equipes da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) retiram uma média de 32 toneladas de lixo somente nos igarapés e córregos de Manaus, segundo o último balanço do município referente ao período de janeiro a maio deste ano.

As ações de limpezas da prefeitura de Manaus, acontecem em diferentes pontos da cidade, e leva limpeza às margens e leito dos igarapés, com a retirada de vegetação aquática e lixos, que melhoram o escoamento da água, a partir do uso de botes e balsas.

Esse trabalho requer o uso de equipamentos específicos, entre lanchas, redes de contenção e caçambas para remoção, além de material para mergulho dos agentes de limpeza, que muitas vezes adentram nas águas poluídas.

Lixo se acumula todos os dias

No igarapé do Franco, as equipes da Semulsp atuaram com a retirada de resíduos sólidos da superfície da água. O subsecretário operacional da Semulsp, José Rebouças, explica que Manaus recebe reforço diário de limpeza e ressalta os cuidados que a população deve tomar.

“O nosso trabalho é contínuo. Duas balsas, cinco botes e um efetivo de 60 homens que estão trabalhando, diariamente, fazendo essa limpeza nos igarapés, tanto na área em que podemos adentrar com a balsa, quanto nos locais onde não podemos, mas a coleta ocorre da mesma forma. Manaus não precisa ser poluída dessa forma, pois temos coleta de segunda a sábado. Então pedimos o apoio da população, para que tenham a conscientização de preservar e não poluir os igarapés”, explicou.

Além dos igarapés, Manaus também recebe diariamente outros serviços de limpeza como: capinação, varrição e jardinagem. Somente nesta sexta, outros 13 pontos da cidade também contaram com o reforço das equipes da Semulsp.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.