Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

David faz balanço de 100 dias no Governo do Estado


Os professores e pedagogos do Estado receberão, nos próximos três meses, um abono, proveniente das sobras de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O anunciou foi feito pelo governador David Almeida, nesta segunda-feira, 21 de agosto, durante o balanço de 100 dias de governo, ocasião em que David Almeida também disse que fará a progressão prevista no Plano de Cargos Carreiras e Remuneração (PCCR) para quem tem direito.

“Na verdade, desses recursos, R$ 236 milhões, nós temos que destinar 60% obrigatoriamente para professores e pedagogos. Nós vamos dar uma parte nas progressões, inclusive nós vamos fazer as progressões sendo aproximadamente 2.600 servidores da educação que vão receber, com os recursos do Fundeb e nós vamos fazer também o pagamento do abono dos professores. É um valor considerável que, sem dúvida alguma, será o maior abono já pago aos servidores da educação no Amazonas”, destacou o governador David Almeida.

Os 40% restante devem ser aplicadas nas demais ações de manutenção e desenvolvimento do ensino. Quando existe ‘sobra de recursos’ não aplicados dentro do percentual estimado de 60% o valor restante deve ser rateado com os professores em exercício.

David autorizou o pagamento do Escalonamento da Polícia Civil e a maior promoção da história da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar

Balanço 100 dias 

O Balanço de 100 dias de governo foi apresentado na manhã desta segunda-feira no canteiro de obras da Avenida das Flores, no bairro Nova Cidade. O deputado estadual e presidente licenciado da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), que assumiu o governo no dia 9 de maio, vem surpreendendo na forma de governar, ao assumir o protagonismo, modernizar a gestão do Estado e dar transparência as ações do Governo.

Em pouco mais de três meses e, mesmo com um orçamento cerca de R$ 1,5 bilhão menor do que o do ano anterior, o governador David Almeida conseguiu imprimir um novo ritmo às ações de governo e, assim, alcançar resultados significativos para a população. Saúde, Segurança Pública, Infraestrutura, Gestão Fiscal e Administrativa são setores onde as ações alcançaram o maior destaque.

“Completo 100 dias totalmente realizado, com muitos serviços prestados ao Estado do Amazonas e muitas obras realizadas, como a da Avenida das Flores que retomamos no nosso primeiro ato de Governo. Entregamos escolas em Lábrea, Borba e Coari, estamos finalizando as obras em vários municípios e inclusive em Manaus como a entrega de uma escola de tempo integral. O Centro de Hemodiálise, que era um sonho do Estado do Amazonas, nós conseguimos entregar, o Hospital Delphina Aziz (Centro Cirúrgico) nós também conseguimos entregar”, destacou.

Na Saúde, o governador diz que ampliou em até 20% a capacidade de atendimento em hospitais, prontos-socorros e demais unidades, colocando para funcionar serviços que estavam parados; abasteceu com medicamentos e materiais hospitalares a capital e o interior. O que foi possível com a economia nos gastos, otimização de recursos e organização das finanças do Estado.

“Quando entrei no Governo não tinha uma máquina de hemodinâmica no Estado funcionando. Colocamos para funcionar a primeira, a segunda e com a economia do contrato na saúde nós vamos comprar a terceira máquina de hemodinâmica. Portanto, é dessa forma que nós estamos fazendo gestão pública”, ressaltou o governador David Almeida.

Na Segurança Pública, David Almeida autorizou o pagamento do Escalonamento da Polícia Civil e a maior promoção da história da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar e ainda conseguiu reforçar a frota de veículos incluindo dois helicópteros que estavam parados, além de garantir novos armamentos para os policiais. “Sem dúvida, que com esses avanços, teremos policiais mais motivados nas ruas. Isso é o que a população espera”, disse o governador.

Obras da Avenida das Flores, na zona Norte, estão em andamento

Obras destravaram

As obras da Avenida das Flores, na zona Norte, ganharam impulso, assim como a duplicação de um trecho de 15 quilômetros da AM-070 (Manaus-Manacapuru). No interior, o pacote para a revitalização de 30 ramais e vicinais em 16 municípios também ganhou ritmo, a exemplo do ramal do Arapapá, em Manacapuru, Janauari, em Iranduba e ZF9, no Rio Preto da Eva. Bem como as obras de recuperação e asfaltamento de ruas em quase todos os municípios. Obras para as quais, segundo o governador, já havia recurso em caixa, R$ 500 milhões contratados de empréstimos exclusivos para esta finalidade.

“Nós retomamos aquele anel viário, o anel Sul, que vai da Joelza até a Ponte do Tarumã. Nós vamos entregar até o quilômetro 35 da AM-070. Nós estamos finalizando algumas licitações para dar a ordem de serviço quem sabe em Autazes, Tabatinga, Anori e em vários municípios que já estão em processo final de licitação, além de escolas que vamos reinaugurar”, pontuou.

Economia nos gastos 

Aproximadamente R$ 300 milhões é o valor que o Estado planejou economizar em um ano com a repactuação de contratos e redução dos gastos com a máquina administrativa, R$ 12 milhões deles na Casa Militar, com aluguel de aeronaves, embarcações e veículos. O próprio David Almeida dispensou usar o jatinho do governo nas viagens oficiais. Agora, vai de voo comercial.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.