BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

CREA-AM e OAB-AM cruzam a BR-319 em apoio à reconstrução da estrada


A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/AM) e o Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA/AM) reuniram técnicos, engenheiros e advogados, membros da ‘Comissão em defesa da BR-319’ e estão percorrendo toda a extensão da estrada, visitando comunidades adjacentes e participando de audiências em Câmaras Municipais, para chamar atenção para a importância da pavimentação da rodovia para o estado do Amazonas e para a Região Norte do Brasil. Também participam da Caravana advogados do Estado de Roraima.

A caravana saiu de Manaus na tarde desta sexta-feira, 27/9, às 14h00.

O percurso incluiu pernoite nesta sexta-feira, no Castanho-AM.Agora, sábado, a caravana segue para até Humaitá, onde pernoita.

No domingo, às 9h, na Câmara Municipal de Humaitá haverá encontro das Seccionais da OAB no Amazonas, Roraima, Rondônia e Acre, autoridades, comunitários, empresários e demais interessados para deliberar sobre a BR-319 e consequente elaboração do Manifesto de Humaitá em favor da BR-319. Uma carreata está prevista pela cidade de Humaitá, até o trevo com a BR-319 e BR-230 e na segunda-feira todos retornam para Manaus.

Participam da Caravana pela OAB-AM e Comissão de Defesa da BR-319, da seccional, os advogados Flávio Candido, vice-presidente da comissão, Marcos Maurício, Ida Márcia e Carlos Augusto.

O Crea/AM levou engenheiros e técnicos. Entre eles Afonso Lins Júnior, presidente do CREA AM, Marcelo de Almeida, membro da diretoria do Crea/AM, Rubelmar Maia de Azevedo, Rafael Assayag, Audinei Lima Leite, conselheiro suplente, Marcelo Grama, César Campos, Samara Roriz, Waldo Guimarães, Leandro Ribeiro Monteiro e Mair Jesuíno dos Santos.

O advogado Marcos Maurício explica que essa é a segunda vez que eles percorrem a BR-319 e que a cada nova comunidade vencida, o movimento em prol da pavimentação total da estrada ganha mais fôlego.

“Nós temos a convicção de que essa estrada, muito em breve, nos trará prosperidade, tanto servindo para o transporte de pessoas como para fazer circular bens de consumo, barateando os produtos que só chegam a Manaus, via aérea”, finalizou Marcos.

A BR-319, oficialmente Rodovia Álvaro Maia, também conhecida como Rodovia Manaus–Porto Velho, possui 885 quilômetros de extensão. Os integrantes da caravana percorreram 615 km até Humaitá.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas.