Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Confira a ordem dos desfiles das escolas de Samba de Manaus


As escolas de samba do Grupo Especial de Manaus ganham destaque neste sábado (02/3), no Centro de Convenções Professor Gilberto Mestrinho (Sambódromo), na última noite de desfiles do Carnaval do Amazonas 2019. No total, oito escolas se apresentarão na avenida, a partir das 20h. No domingo (3/3) e na segunda (4/3), a Secretaria de Estado de Cultura (SEC) promove o Concurso de Fantasias e programação carnavalesca nos bairros. Confira:

Desfiles – Dando início à programação, a Escola de Samba Primos da Ilha se apresenta às 20h, defendendo o enredo “Não queremos aceitação, queremos respeito! Se quer falar de cura, cure seu preconceito!”, com ênfase ao movimento LGBTQ.

Às 21h20, será a vez da Escola de Samba Andanças de Cigano. Neste ano, a agremiação apresenta o enredo “Um sonho de ser milionário”, que exalta a coragem necessária para ganhar o que se pretende, por meio de apostas e iniciativas.

Em seguida, às 22h40, a Vitória Régia entra na passarela do samba com o tema “Tinta nas veias, a verdade nas mãos: na crítica de Calderaro, 70 anos a voz de uma canção”, uma homenagem à Rede Calderaro de Comunicação.

A Escola de Samba Vila da Barra será a quarta a desfilar, iniciando sua apresentação meia-noite. Neste ano, a agremiação apresenta o enredo “Azul e amarelo são as cores do meu amuleto, emociona Vila porque hoje a sorte está do seu lado”, que apresentará um desfile em busca da tão sonhada sorte.

Logo após, será a vez da agremiação Reino Unido da Liberdade, que entrará na avenida às 1h20, com o tema “Tambores, crenças e costumes Afro-Brasileiros. A benção mãe Zumira”, comemorando os 30 anos do samba-enredo que homenageia a cultura africana que ajudou a compor a identidade do país.

Às 2h40, a Unidos do Alvorada entra na avenida, com o tema “All-in – Copag pra ver. Na passarela do samba a Alvorada dá as cartas”, que retrata a história do baralho no Brasil e a história da Copag.

Na sequência, a escola de samba A Grande Família se apresenta às 4h, defendendo o enredo “Eu só quero ser feliz”, que fala sobre a felicidade em diferentes vertentes.

Fechando a última noite de desfile das escolas de samba do grupo especial, a Mocidade Independente de Aparecida se apresentará às 5h20.

A agremiação defenderá a cultura paraense, com o enredo “Égua maninho! Espia só! Tem açaí, tem tucupi, tem maniçoba, tem carimbo, sairé e siriá. Tem boto, tem Iara, tem Marajó, encantaria de arrepiar. Tem ver-o-peso, rio e mar. Tem a Nazinha a abençoar, Aparecida vem mostrar que aqui também tem Pará”.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas.